Universidade federal de santa catarina – ufsc



Baixar 61,61 Kb.
Encontro29.05.2017
Tamanho61,61 Kb.



UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA – UFSC

CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS – CFH

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SOCIOLOGIA POLÍTICA

DISCIPLINA SPO: Religião e Política (2014.1) CARGA HORÁRIA: (04 créditos)

PROFESSORES: Carlos Eduardo Sell, Dr.; José Pedro Simões Neto, Dr.

PLANO DE ENSINO




Ementa:

Os clássicos da sociologia e a religião. Vertentes contemporâneas de análise do fenômeno religioso. Perfil e tendências da esfera religiosa no Brasil contemporâneo. Religião e esfera pública: o debate entre o campo religioso e suas interfaces com o Estado, enfocando as questões relativas à liberdade religiosa, intolerância religiosa, eleições, educação (ensino religioso), saúde/moral (aborto, anencefalia, entre outros) e assistência social.



  1. Objetivos:

Longe de marginal, para os clássicos da sociologia (Tocqueville, Durkheim e Weber, etc.) a religião (junto à economia, a política, o direito, etc.) é um dos fenômenos basilares da vida social. Até mesmo o disputado conceito de secularização, quando entendido como categoria que indica a condição do religioso na modernidade, indica que nossa época não pode ser definida sem ser relacionada com aquela. Assumindo este pressuposto, esta disciplina tem como objetivo fundamental analisar o papel e impacto dos grupos religiosos na esfera pública do Brasil contemporâneo. A análise das controvérsias e disputas em torno do lugar do religioso na arena pública será conduzida levando-se em consideração um resgate preliminar das abordagens teóricas e a análise do quadro religioso brasileiro. A partir destes elementos almeja-se indicar elementos que nos permitam caracterizar sociologicamente a relação entre religião, sociedade e política no momento histórico atual.

A disciplina está dividida em três partes. A primeira revisa criticamente as abordagens sociológicas clássicas e contemporâneas do fenômeno religioso. A segunda parte descreve a evolução e o perfil dos principais grupos religiosos no Brasil e a dinâmica das transformações na esfera religiosa. A terceira parte analisa as principais controvérsias públicas envolvendo diferentes concepções, interesses e atores na arena pública, identificando as questões em disputa, as estratégias envolvidas e seus desdobramentos no plano político, social e cultural. Em seu conjunto busca-se ir além do estudo da religião como área delimitada da vida social, recuperando-se os elos entre o religioso, o social e o político. Trata-se de praticar uma sociologia da religião estreitamente entrelaçada com a sociologia política e a sociologia geral (teoria sociológica) e capaz de nos fornecer pistas para a definição do caráter da modernidade (que é múltipla) no Brasil.  



II. Metodologia:

2.1. Desenvolvimento das seções

a) Explanação introdutória do professor

b) Apresentação de textos por equipes de alunos (síntese crítico-analítica)

c) Debate

2.2. Avaliação:



  1. Apresentação nos grupos

  2. Qualidade da participação nas discussões

  3. Artigo Final




III. PREVISÃO DE ATIVIDADES


01ª SESSÃO: Apresentação dos alunos e do programa
Sugestões de leitura:
CIPRIANI, Roberto. Manual de sociologia da religião. São Paulo: Paulus, 2007.

PARTE I – PARADIGMAS DE ANÁLISE DO FENÔMENO RELIGIOSO

02ª. SESSÃO: MARX E A CRÍTICA DA RELIGIÃO
Leitura obrigatória:

MARX, K. A Questão Judaica. Rio de Janeiro: Laemert, 1969. p. 13-63



Löwy, Michael. Marx e Engels como sociólogos da religião. Lua Nova, 1998, no.43, p.157-170
Sugestões de leitura:
FREDERICO, C. O Jovem Marx. São Paulo: Cortez, 1995. cap. II e III, pg. 49-122;

HERVIEU-LÉGER, D. e WILLAIME, J-P. Sociologia e Religião. São Paulo: Idéias e Letras, 2009. cap. 1. p. 17-42.

BRUSEKE, Franz Josef. Romantismo, mística e escatologia política. Lua Nova. 2004, n.62 [cited  2014-03-13], pp. 21-44.
03a SESSÃO: Abordagem durkheimiana do religioso: sagrado x profano
Leitura obrigatória:
DURKHEIM, Émile. Definição do fenômeno religioso e da religião. As formas elementares da vida religiosa. São Paulo: Paulinas: 1989, p.53-79.
HERVIEU-LÉGER, D. e WILLAIME, J-P. Émile-Durkheim (1858-1917). Sociologia da Religião. São Paulo: Idéias e Letras, 2009.

Sugestões de leitura:
Willaime, Jean-Paul. A favor de uma sociologia transnacional da laicidade na ultramodernidade contemporânea. Civitas - Revista de Ciências Sociais, vol. 11, núm. 2, mayo-agosto, 2011, pp. 303-322,
Baubérot, Jean. A favor de uma sociologia intercultural e histórica da laicidade. Civitas - Revista de Ciências Sociais, vol. 11, núm. 2, mayo-agosto, 2011,

Brüseke, Franz Josef. A técnica moderna e o retorno do sagrado. Tempo Social. Rev. Sociol. USP. S. Paulo, 11(1): p. 209-230, maio de 1999.

04a SESSÃO: Abordagem weberiana do religioso 1: a ação mágica e religiosamente motivada
Leitura obrigatória:
WEBER, Max. Conceitos sociológicos fundamentais. Economia e sociedade: fundamentos da sociologia compreensiva. 3. ed. Brasília: UnB, 1994, vol.1. (Parágrafos 1 e 2). Capítulo sobre sociologia da religião.

SELL, Carlos Eduardo. Weber e as religiões. Max Weber e a racionalização da vida. Petrópolis: Vozes, 2013, p.54-86.


Sugestões de leitura:
PIERUCCI, Antônio Flávio. O desencantamento do mundo: todos os passos do conceito em Max Weber. São Paulo: Editora 34, 2004, p.32-46.

05a SESSÃO: Abordagem weberiana do religioso 2: a secularização

Leitura obrigatória:

PIERUCCI, Antonio Flávio. Secularização em Max Weber: da contemporânea serventia de voltarmos a acessar aquele velho sentido. Revista Brasileira de Ciências Sociais, n. 37, 1998, p.43-73.

ZEPEDA, José de Jesús Legorreta. Secularização ou ressacralização? O debate sociológico contemporâneo sobre a teoria da secularização. Rev. bras. Ci. Soc. 2010, vol.25, n.73, pp. 129-141.
Sugestões de leitura:
TAYLOR, Charles. Uma era secular. Editora Unisinos: São Leopoldo, 2010.
HABERMAS, Jürgen. ?Qué significa uma una sociedade postsecular? Una discusión sobre el Islam en Europa. Ay, Europa. Madrid: Trotta, 2009, p.64-81.


PARTE II – O CAMPO RELIGIOSO BRASILEIRO: TENDÊNCIAS E MUDANÇAS
06ª SESSÃO: Abordagens contemporâneas do religioso: paradigmas em disputa
Leitura obrigatória:

Mariano, Ricardo. Usos e limites da teoria da escolha racional da religião. Tempo soc., Nov 2008, vol.20, no.2, p.41-66.
Sugestões de leitura:
PIERUCCI, Antonio Flávio. Sociologia da Religião. In: Miceli, S. O que ler na Ciência Social Brasileira (1970-1990). São Paulo: Sumaré, 1999.

CAMURÇA, M. Ciências Sociais e Religião e Ciências da Religião. São Paulo: Paulinas, 2008. cap. 1, p. 15-38




07a SESSÃO: A esfera religiosa no Brasil 1: cenário geral
Leitura obrigatória:

PIERUCCI, Antonio Flávio e MARIANO, Ricardo. Sociologia da religião, uma sociologia da mudança. Horizontes das ciências sociais no Brasil. São Paulo: ANPOCS, 2010, p.279-302.



Teixeira, F. e Menezes, R. (Orgs.). Religiões em Movimento. Petrópolis: Vozes, 2013. cap. 1, 3 e 4
Sugestões de leitura:

Teixeira, F. e Menezes, R. (Orgs.). As Religiões no Brasil. Petrópolis: Vozes, 2006. cap. 1 e 2

JACOB, C. R. et. al. Religião e Sociedade em Capitais Brasileiras. Rio de Janeiro: Loyola; Brasília: CNBB, 2006.



08a SESSÃO: A esfera religiosa no Brasil 2: catolicismo e pentecostalismo
Leitura obrigatória:
Teixeira, F. e Menezes, R. (Orgs.). Religiões em Movimento. Petrópolis: Vozes, 2013. cap. 6 e 8
Sugestões de leitura:

Souza, Etiane Caloy Bovkalovski de and Magalhães, Marionilde Dias Brepohl de. Os pentecostais: entre a fé e a política. Rev. Bras. Hist., 2002, vol.22, no.43, p.85-105. ISSN 0102-0188

Steil, Carlos Alberto and Herrera, Sonia Reyes. Catolicismo e ciências sociais no Brasil: mudanças de foco e perspectiva num objeto de estudo. Sociologias, Porto Alegre, ano 12, No. 23, jan./abr. 2010, p. 354-393

Teixeira, F. e Menezes, R. (Orgs.). As Religiões no Brasil. Petrópolis: Vozes, 2006. cap. 4, 5, 6 e 7

Teixeira, F. e Menezes, R. (Orgs.). Religiões em Movimento. Petrópolis: Vozes, 2013. cap. 5 e 7

09a SESSÃO: A esfera religiosa no Brasil 4: kardecismo e religiões afro-brasilerias
Leitura obrigatória:

Teixeira, F. e Menezes, R. (Orgs.). Religiões em Movimento. Petrópolis: Vozes, 2013. cap. 10 e 11
Sugestões de leitura:

Teixeira, F. e Menezes, R. (Orgs.). Religiões em Movimento. Petrópolis: Vozes, 2013. cap. 12

Teixeira, F. e Menezes, R. (Orgs.). As Religiões no Brasil. Petrópolis: Vozes, 2006. cap. 11, 12 e 13

Lewgoy, Bernardo. A transnacionalização do espiritismo kardecista brasileiro: uma discussão inicial. Relig. soc., Jul 2008, vol.28, no.1, p.84-104. ISSN 0100-8587

Goldman, Marcio. O dom e a iniciação revisitados: o dado e o feito em religiões de matriz africana no brasil. Mana, Ago 2012, vol.18, no.2, p.269-288. ISSN 0104-9313

10a SESSÃO: A esfera religiosa no Brasil 5: Sincretismo Religioso e os sem-religião
Leitura obrigatória:
Teixeira, F. e Menezes, R. (Orgs.). As Religiões no Brasil. Petrópolis: Vozes, 2006. cap. 9

Teixeira, F. e Menezes, R. (Orgs.). Religiões em Movimento. Petrópolis: Vozes, 2013. cap. 9

Sugestões de leitura:
Siqueira, D. Novas Religiosidades, estilo de vida e sincretismo brasileiro. In: Siqueira, D. e Lima, R. B. (Orgs.). Sociologia das Adesões. Rio de Janeiro: Garamond, 2003.

Teixeira, F. e Menezes, R. (Orgs.). As Religiões no Brasil. Petrópolis: Vozes, 2006. cap. 8

11a SESSÃO: Religião e Espiritualidade
Leitura obrigatória:
SIQUEIRA, Deis e LIMA, Ricardo B. (Orgs.) Sociologia das Adesões. Rio de Janeiro: Garamond, 2003. pp. 25-64
Sugestões de leitura:
Vaillant, G. Diferenças entre Religião e Espiritualidade. . São Paulo: Manole, 2010.

Siqueira, Deis. O labirinto religioso ocidental: da religião à espiritualidade. Do institucional ao não convencional.Soc. estado., 2008, vol.23, no.2, p.425-462. ISSN 0102-6992
PARTE III – RELIGIÃO E ESFERA PÚBLICA: CONTROVÉRSIAS E DISPUTA

12a SESSÃO: Sobre a Liberdade Religiosa
Leitura obrigatória:
Soriano, A. Direito à liberdade religiosa sob a perspectiva da democracia liberal. In: Mazzuoli, V. e Soriano, A. Direito à liberdade Religiosa. Belo Horizonte: Fórum, 2009.
Sugestões de leitura:
Giumbelli, E. A Religião sem lei: definições sobre “liberdade religiosa” no Brasil. O Fim da Religião. São Paulo: Attar, 2002. cap. 5

13a SESSÃO: Religião e Política
Leitura obrigatória:
Burity, Joanildo A. Religião, política e cultura. Tempo soc., Nov 2008, vol.20, no.2, p.83-113. ISSN 0103-2070

Sugestões de leitura:
Burity, J. Redes, parcerias e participação religiosa nas políticas sociais no Brasil. Recife: Fundação Joaquim Nabuco, 2006.


14a SESSÃO: Intolerância Religiosa
Leitura obrigatória:
Silva, V. G. (Org.). Intolerância Religiosa. São Paulo: Edusp, 2010.

15a SESSÃO: Ensino Religioso
Leitura obrigatória:
Cury, Carlos Roberto Jamil. Ensino religioso na escola pública: o retorno de uma polêmica recorrente. Rev. Bras. Educ., Dez 2004, no.27, p.183-191. ISSN 1413-2478
Pauly, Evaldo Luis. O dilema epistemológico do ensino religioso. Rev. Bras. Educ., Dez 2004, no.27, p.172-182. ISSN 1413-2478

16a SESSÃO: Religião e Saúde
Giumbelli, Emerson. Heresia, doença, crime ou religião: o Espiritismo no discurso de médicos e cientistas sociais. Rev. Antropol., 1997, vol.40, no.2, p.31-82. ISSN 0034-7701

Mota, Clarice Santos and Trad, Leny Alves Bomfim A gente vive pra cuidar da população: estratégias de cuidado e sentidos para a saúde, doença e cura em terreiros de candomblé. Saude soc., Jun 2011, vol.20, no.2, p.325-337. ISSN 0104-1290

Penha, Ramon Moraes and Silva, Maria Júlia Paes da. Significado de espiritualidade para a enfermagem em cuidados intensivos. Texto contexto - enferm., Jun 2012, vol.21, no.2, p.260-268. ISSN 0104-0707

Valla, Victor Vincent. Pobreza, emoção e saúde: uma discussão sobre pentecostalismo e saúde no Brasil. Rev. Bras. Educ., Abr 2002, no.19, p.63-75. ISSN 1413-2478

MENEZES, R. A. Preparação para a morte: entre religião, medicina e psicologia. In: GOMES, E. C. (Org.). Dinâmicas Contemporâneas do Fenômeno Religioso na Sociedade Brasileira. São Paulo: Idéias e Letras, 2009.


17a SESSÃO: Assistência Religiosa
Gentil, Rosana Chami, Guia, Beatriz Pinheiro da and Sanna, Maria Cristina. Organização de serviços de capelania hospitalar: um estudo bibliométrico. Esc. Anna Nery, Mar 2011, vol.15, no.1, p.162-170. ISSN 1414-8145
SIMOES, P. Filhos de Deus. Rio de Janeiro: Iser, 2010.

18ª. SESSÃO: Religião e Partidos Políticos
Oro, Ari Pedro. A política da Igreja Universal e seus reflexos nos campos religioso e político brasileiros. Rev. bras. Ci. Soc., Out 2003, vol.18, no.53, p.53-69. ISSN 0102-6909

Machado, M. D. e Burity, J. (Orgs.). Os Votos de Deus. Recife: Fundação Joaquim Nabuco, 2006.

Machado, M. D. Política e Religião. Rio de Janeiro: FGV, 2006.

Outras Bibliografias:


Amaral, L. Um Espírito sem Lar. In: Velho, O. (Org.). Circuitos Infinitos. São Paulo: Attar, 2003.

Audi, R. e Wolterstorff, N. Some Principles and Practices of Civic Virtue. Religion in the Public Square. England: Rowman & Littlefield Publishers. 1997.

GIUMBELLI E. e CARNEIRO, S. S. Ensino Religioso. Comunicações do ISER, No. 60, Ano 23, 2004.



Gomes, E. Dinâmicas Contemporâneas do Fenômeno Religioso na Sociedade Brasileira. São Paulo: Idéias e Letras, 2009.

Hervieu-Léger, D. e Willaime, J-P. Sociologia e Religião. São Paulo: Idéias e Letras, 2001.

Horta, L. P. Sagrado e Profano. Rio de Janeiro: Agir, 1994.

JACOB, C. R. Atlas da Filiação Religiosa e Indicadores Sociais no Brasil. Rio de Janeiro: Loyola; Brasília: CNBB, 2003



Kramer, P. Alexis de Tocqueville e Max Weber: respostas políticas ao individualismo e ao desencantamento na sociedade moderna. In: Souza, J. (Org.) A Atualidade de Max Weber. Brasília: UNB, 2000.

Machado, M. D. Revitalização Religiosa. Carismáticos e Pentecostais. São Paulo: Autores Associados, 1996.

Mariano, R. Secularização na Argentina, no Brasil e no Uruguai. In: Oro, A. P. (Org.). Religião e Política no Cone Sul. São Paulo: Attar, 2006.

Nascimento, Lucila Castanheira et al. Spirituality and religiosity in the perspectives of nurses. Texto contexto - enferm., Mar 2013, vol.22, no.1, p.52-60. ISSN 0104-0707

Negrão, Lísias Nogueira. Pluralismo e multiplicidades religiosas no Brasil contemporâneo. Soc. estado., 2008, vol.23, no.2, p.261-279. ISSN 0102-6992

Norris, P. e Inglehart, R. Understanding Secularization. Sacred and Secular. New York, Cambridge University Press, 2004.

Oro, Ari Pedro and Alves, Daniel. Renovação Carismática Católica: movimento de superação da oposição entre catolicismo e pentecostalismo?. Relig. soc., 2013, vol.33, no.1, p.122-144. ISSN 0100-8587

Paiva, A. O Processo de Secularização do Mundo: nova ontologia. Católico, Protestante, Cidadão. Belo Horizonte: UFMG; Rio de Janeiro: Iuperj, 2003.

Pereira Neto, André de Faria and Amaro, Jacqueline de Souza O Centro Espírita Redemptor e o tratamento de doença mental, 1910-1921. Hist. cienc. saude-Manguinhos, Jun 2012, vol.19, no.2, p.491-508. ISSN 0104-5970

Pierucci, A. F. Interesses Religiosos dos Sociólogos da Religião. In: Oro, P. e Steil, C. A. Globalização e Religião. Petrópolis: Vozes, 1997.

Pierucci, A. F. Secularização Segundo Max Weber. In: Souza, J. (Org.) A Atualidade de Max Weber. Brasília: UNB, 2000.

Rios, Luis Felipe et al. Axé, práticas corporais e Aids nas religiões africanistas do Recife, Brasil. Ciênc. saúde coletiva, Dez 2013, vol.18, no.12, p.3653-3662. ISSN 1413-8123

SANCHIS, Pierre. A contribuição de Émile Durkheim. TEIXEIRA, Faustino (Org.). Sociologia da religião: enfoques teóricos. Petrópolis: Vozes, 2003, p.36-66.

SELL, Carlos Eduardo e BRÜSEKE, Franz Jose. Mística e sociedade. São Paulo: Paulus, 2006.

SELL, Carlos Eduardo. A virada mística: subsídios para uma análise sociológica do discurso místico da teologia da libertação. Tese de doutorado em sociologia política. UFSC, 2004.

Silva, José Marmo da. Religiões e saúde: a experiência da Rede Nacional de Religiões Afro-Brasileiras e Saúde .Saude soc., Ago 2007, vol.16, no.2, p.171-177. ISSN 0104-1290

SMIDERLE, Carlos Gustavo Sarmet Moreira. Entre Babel e Pentecostes:cosmologia evangélica no Brasil contemporâneo. Relig. soc. [online]. 2011, vol.31, n.2, pp. 78-104. ISSN 0100-8587.  

Stoll, Sandra Jacqueline. Religião, ciência ou auto-ajuda? trajetos do Espiritismo no Brasil. Rev. Antropol., 2002, vol.45, no.2, p.361-402. ISSN 0034-7701

Tavares, A. R. Religião e Neutralidade do Estado. In: Mazzuoli, V. e Soriano, A. Direito à liberdade Religiosa. Belo Horizonte: Fórum, 2009.

Teixeira, F. (Org.). Sociologia e Religião. Petrópolis: Vozes, 2003.

Trigg, R. Religious Liberty. Religion in Public Life. Oxford: Oxford University Press, 2007.



©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal