Universidade da beira interior



Baixar 2,54 Mb.
Página17/23
Encontro27.09.2018
Tamanho2,54 Mb.
1   ...   13   14   15   16   17   18   19   20   ...   23



Professor: Ricardo Cunha

Ano Lectivo: 2009/10

Data: 3/5/10

Instalações: Concelho da Covilhã

Actividade: Estafeta Nacional contra a pobreza e exclusão social (PIEF)

Ricardo Cunha

Relatório Estafeta

Considerações Gerais

O evento propõe que através de uma estafeta, que vai atravessar todos os distritos do país, se leve uma mensagem contra a pobreza e exclusão social e tem como meios a utilização das turmas PIEF de cada distrito e os seus professores. São contactados os responsáveis por turmas com estas características e cada um destes promove essa estafeta no seu distrito. No distrito de Castelo Branco a escola do Teixoso foi a organizadora contando com alguns apoios públicos e privados para a realização do mesmo. A minha participação na actividade foi solicitada directamente pelos professores da turma de PIEF da escola para actuar na organização e integrar uma parte da estafeta desde o Largo do Pelourinho na Covilhã até à torre da serra da estrela. A organização foi essencialmente para contribuir na parte mais desportiva do evento como medição de distâncias e tempo útil para o fazer. Fui também solicitado para integrar alguns percursos em passo de corrida acompanhando alunos da escola.



Avaliação dos Alunos

Os alunos participantes contemplavam todos os da turma PIEF da escola e outros anos que quisessem participar. Os alunos foram distribuídos pelo percurso de acordo com as suas aptidões para realizar as tarefas exigidas. De um modo geral foi mesmo uma surpresa pela positiva a velocidade com que foi cumprido o percurso, tendo mesmo que atrasar propositadamente para que fossem cumpridos os horários estabelecidos. Alguns alunos inclusive, realizaram mais percursos que os solicitados pela vontade e disponibilidade que tinham para cumprir os objectivos. Em relação aos alunos que seguiram directamente para a torre, não houve problemas de comportamento de maior, não podendo precisar muito pois não me mantive presente nesse período.



Estratégias Utilizadas

A actividade era mais direccionada para as turmas de PIEF mas o agrupamento de escolas do Teixoso dispensou os alunos para participarem na actividade principalmente da parte da manhã. Desta feita todos os alunos da escola cumpriram uma parte da estafeta desde o jardim do lago até ao Pelourinho, os alunos do 1º ciclo e os integrantes da APPCDM foram directamente para o Pelourinho onde posteriormente estava ao dispor de todos inúmeras actividades lúdicas proporcionadas pelos apoiantes do evento. Depois de todos se reunirem no pelourinho foram reunidos os integrantes na corrida de estafeta para dar a conhecer a estratégia preparada para a actividade. Foram servidos alguns lanches para os corredores. Antes da Partida foi feita uma encenação realizando a passagem do testemunho por todas as entidades responsáveis pelo evento. Seguidamente iniciou a corrida e a partida de autocarro para a torre por parte dos alunos que não iriam correr na estafeta. Na torre estavam também mais algumas actividades da qual os alunos podiam desfrutar.

Agora mais direccionado para a estafeta, foram criados cerca de 19 postos de passagem de testemunho, onde sempre existiam pelo menos três corredores, dois alunos e um adulto. A acompanhar estava permanentemente uma ambulância, um carro de apoio e o carro do fotógrafo oficial do evento. A alimentação era distribuída tendo em conta o esforço físico efectuado ou que viria a efectuar. A última estafeta até á torre foi realizada por todos os que participaram no evento, inclusive os alunos da turma PIEF da escola de Ceia. Na torre foi oficialmente passado o testemunho ao Distrito da Guarda que dará continuidade à estafeta.





Tempo de Actividade

A actividade iniciou às 9 da manhã, tendo terminado por volta das 18 horas.



Dificuldades do Professor

Uma actividade desta dimensão previu alguns acontecimentos que se vieram a confirmar. No início a dificuldade estava em encontrar adultos que pudessem realizar a corrida com alunos. Esse problema excluiu-se quando se definiu que alguns adultos fariam mais que um trajecto. Depois dado o elevado números de professores envolvidos na actividade foi simples e sempre bem controlado. Outra dificuldade foi a falta de agasalhos dos alunos, relacionado com as temperaturas muito baixas.


1   ...   13   14   15   16   17   18   19   20   ...   23


©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal