Sucessivas classificaçÕes dos vegetais



Baixar 8,85 Kb.
Encontro31.01.2019
Tamanho8,85 Kb.

SUCESSIVAS CLASSIFICAÇÕES DOS VEGETAIS


(Segundo Soares, José Luís. Dicionário etimológico e circunstanciado de Biologia. São Paulo, Ed. Scipione, 1993. pp. 526-7).


  1. Variante da Classificação de Engler (proposta por Wilson e Loomis)

SUB-REINO 1. TALLOPHYTA


Talófitas com clorofila


Divisão 1 – Algas verdes (Chlorophyta

Divisão 2 – Algas azul-verdes (Cyanophyta)

Divisão 3 – Euglenóides (Euglenophyta

Divisão 4 – Algas amarelas e douradas ou diatomáceas (Chrysophyta

Divisão 5 – Dinoflagelados (Pyrrhophyta)

Divisão 6 – Algas pardas (Phaephyta)

Divisão 7 – Algas vermelhas (Rhodophyta)

Talófitas sem clorofila


Divisão 8 – Plantas de fissão (Schizophyta)

Ordem 1 – Bactérias verdadeiras (Eubacteriales)

Ordem 2 – Actinomicetos (Actinomycetales)

Divisão 9 – Mofos do lodo ou fungos do lodo (Myxomycophyta)

Divisão 10 – Fungos verdadeiros (Eumycophyta)
SUB-REINO 2. EMBRYOPHYTA

Divisão 11 – Briófitas (Bryophyta)

Divisão 12 – Plantas vasculares (Tracheophyta)

Subdivisão A – Psilopsida

Subdivisão B – Lycopsida

Subdivisão C – Sphenopsida

Subdivisão D – Pteropsida

Classe 1 – Fetos e samambaias (Filicinae)

Classe 2 – Gimnospermas (Gymnospermae)

Classe 3 – Angiospermas (Angiospermae)

Subclasse A – Dicotiledôneas (Dicotyledonae)

Subclasse B – Monocotiledôneas (Monocotyledonae)



Notas: As Psilopsida são praticamente fósseis; as Lycopsida têm poucas espécies vivas, como as licopodíneas; as Sphenopsida são, em sua maioria, fósseis; apenas as equissetíneas são vivas)



©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal