Release Resumido



Baixar 204,46 Kb.
Página1/2
Encontro10.07.2018
Tamanho204,46 Kb.
  1   2

Release Resumido

Limpa o vinil com carinho. Ajeita a agulha. Depois, é só relaxar e deixar a Radiola tocar. O ritual parece antigo, mas vive na cabeça, nas mãos e nas vozes destes oito baianos conectados. De um lado seguram, com todo orgulho e respeito, a memória musical brasileira e mundial. Do outro, os dedos digitam, pulsam e, virtualmente, respiram o novo. Tudo segue pelas veias e se junta, se complementa e se mistura nos instrumentos.



Release Histórico
Aos dez anos de idade, a Radiola vive hoje um dos melhores momentos de sua carreira. Não apenas pelos frutos colhidos com seu último álbum e pela parceria de sucesso com a cantora Nancy Viégas, mas, também, pela retrospectiva de conquistas alcançadas durante a sua trajetória nos circuitos musicais baiano, brasileiro e internacional.

Um projeto autoral consistente. A banda Radiola, com 9 anos, é, hoje, reconhecida como uma das principais bandas independentes da Bahia, seja pela qualidade do seu trabalho ou pela seriedade e profissionalismo demonstrados em seus projetos e apresentações.



Ao longo da sua trajetória, não são poucas as histórias e experiências vividas pela Radiola. A banda já participou de muitos projetos musicais realizados, tanto na Bahia (capital e interior), como em outras regiões do país, chegando a se apresentar até mesmo no exterior. Em Salvador, pode-se destacar as participações da banda nos projetos Música no Parque, Arena 1 e Música no Porto.

Radiola, por Ricardo Prado


Em 2005, em meio a tantos outros nomes da música independente baiana, a Radiola foi selecionada para se apresentar no Festival de Verão Salvador, um dos maiores eventos musicais do Brasil, através de um concurso realizado pelo site oficial do evento, em que o público escolhe quem quer assistir no palco do festival. O show teve uma repercussão bastante positiva e, segundo Luciano Matos, do jornal A Tarde, a Radiola apresentou “uma mistura bem azeitada de funk, rock e ritmos regionais, como ijexá, e mostrou, de cara, a qualidade e competência das bandas locais” (A Tarde 21/01/05 pág.8).

O ano de 2007 foi recheado de grandes conquistas para a Radiola. Foi neste ano que a banda realizou a sua primeira turnê pelo interior da Bahia. O projeto, intitulado Radiola na Estrada, levou o show da Radiola para cidades como Alagoinhas, Ilhéus, Jequié e Vitória da Conquista, além de Salvador, onde o show contou com a participação do músico pernambucano Otto, que gravou com a banda um programa para a MTV do Brasil.

Ainda neste ano, a Radiola participou da Feira da Música (Fortaleza-CE), onde tocou para o maior público registrado nos cinco dias de realização do evento. Além disso, foi em 2007 que a Radiola ficou entre os três finalistas (num universo de mais de 600 artistas) do Festival Mente Aberta de Música Brasileira, promovido pela Revista Época em parceria com a TRAMA Virtual.

A partir daí, chegou a hora da Radiola dar partida à sua intervenção no circuito internacional. Em janeiro de 2008 a banda foi selecionada para o Festival BrasilNoar, que acontece em Barcelona, na Espanha. Em novembro, de volta à Europa, a Radiola fez apresentações, novamente, em Barcelona e ,também, em Madri. As apresentações da Radiola na Europa renderam ótimos comentários da crítica e do público e a banda aproveitou a viagem para divulgar no exterior seu segundo disco Gelo Liso é Paraíso Pra Quem Sabe Dançar, posteriormente lançado no Brasil em show histórico no Parque da Cidade de Salvador.



Gelo Liso é Paraíso Pra Quem Sabe Dançar recebeu o apoio do Governo da Bahia para sua produção e contou com as participações dos artistas Otto, Mestre Lourimbau e Marcela Bellas. O disco é um reflexo do momento de maturidade que a banda vive.

Radiola no festival BrasilNoar, Barcelona 2008 – por Melissa Warwick


oito anos, a banda Radiola realiza, nos verões soteropolitanos, um projeto conhecido como Festa do Vinil. O evento consiste num concurso de discos de vinil e sempre conta com a presença de importantes convidados musicais. Já participaram da festa os DJs Tudo-SP, Mauro Telefunksoul, Mangaio, Bandido e DJ Marky.

Durante o Carnaval do mesmo ano, a Radiola, pela primeira vez, esteve em cima de um trio elétrico. A banda participou - ao lado do cantor Lobão, da banda Cascadura e do DJ Bandido - do trio independente Rock in Trio Salvador



  1   2


©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal