Ppc do Curso de Engenharia Elétrica



Baixar 1,42 Mb.
Página14/35
Encontro24.06.2017
Tamanho1,42 Mb.
1   ...   10   11   12   13   14   15   16   17   ...   35

DADOS da disciplina


Semestre: 4.

Carga Horária: 30 horas.

Créditos: 1T+1P.

Pré-Requisitos: Química Geral e Experimental (essencial).


OBJETIVOS


Conhecer os tipos de materiais quanto à organização atômica e desenvolver noções de sua metodologia de estudo (cristalografia).

Desenvolver noções sobre os métodos de análise e caracterização, associando-os corretamente aos tipos e características dos materiais.

Conhecer as principais propriedades e efeitos relativos aos diversos tipos de materiais e suas aplicações em Engenharia Elétrica.

EMENTA


Propriedades e aplicações na Engenharia Elétrica dos materiais: semicondutores, condutores, isolantes, magnéticos e piezelétricos.

PROGRAMA


Introdução aos materiais elétricos e eletrônicos: Estruturas. Planos. Direções cristalográficas. Propriedades. Origem.

Propriedades dos Materiais magnéticos: Classificação. Perdas por histerese. Correntes parasitas. Aplicações em engenharia.

Materiais condutores: Propriedades de condução. Resistividade. Aplicações na Engenharia Elétrica.

Materiais isolantes: Constante dielétrica. Polarização.

Propriedades dos materiais semicondutores: Comportamento de cargas. Mecanismo de condução. Processos de fabricação.

Estudo dos materiais piezelétricos e aplicações.

Projeto de integração dos conteúdos de materiais elétricos e eletrônicos em aplicações na Engenharia Elétrica.

BIBLIOGRAFIA

BIBLIOGRAFIA BÁSICA


V. Schmidt, “Materiais elétricos: condutores e semicondutores v. 1”, São Paulo: Ed. Edgard Blucher, 1979.

V. Schmidt, “Materiais elétricos: isolantes e magnéticos v. 2”, São Paulo: Ed. Edgard Blucher, 1979.

S.M. Rezende, Materiais e Dispositivos Eletrônicos, 2ª Ed. São Paulo, Editora Livraria da Física, 2004.

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR


L.M. Van Vlack, “Princípios de ciência e tecnologia dos materiais”, Rio de Janeiro: Editora Campus, 1984.

W.D. Callister Jr, “Ciência e Engenharia de materiais uma introdução”, 7ª Ed, Rio de Janeiro: LTC, 2008.

S. Smith, Microeletrônica, 5ª Ed, São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2007.

W.D. Callister Jr, “Fundamentos da Ciência e Engenharia de materiais”, 7ª Ed, Rio de Janeiro: LTC, 2006.

J.J. Cathey, “Dispositivos e circuitos eletrônicos”, 2ª Ed., São Paulo: Makron Books, 2003.

AL0041 - Circuitos Magnéticos
e Transformadores

DADOS da disciplina


Semestre: 4.

Carga Horária: 60 horas.

Créditos: 3T+1P.

Pré-Requisitos: Circuitos Elétricos I (essencial) e Física III (desejável).


OBJETIVOS


Apresentar as características de circuitos magnéticos e o princípio do funcionamento de transformadores. Avaliar as características de desempenho e operação de transformadores. Demonstrar os principais métodos e testes no procedimento de análise através de ensaios de laboratório.

EMENTA


Introdução a circuitos magnéticos. Permeabilidade e saturação. Solução de circuitos. Princípio de funcionamento do transformador. Operação e ensaios a vazio e em curto-circuito. Transformadores trifásicos. Polaridade e defasamento angular. Rendimento e regulação de tensão. Paralelismo. Transformadores de potencial e corrente. Autotransformadores. Tópicos de aquecimento e refrigeração. Atividades de laboratório.

PROGRAMA


Teoria de Circuitos magnéticos: Definição de grandezas magnéticas. Curvas de magnetização de materiais ferromagnéticos. Circuitos magnéticos: Conceito e Analogias. Cálculos de circuitos magnéticos

Transformadores: Definições Fundamentais. Princípio de Funcionamento. Transformador ideal. Operação a vazio e sob carga. Parâmetros e testes a vazio e em curto-circuito. Circuito equivalente. Parâmetros referidos. Transformadores trifásicos. Tipos de conexões e características. Polaridade e métodos de ensaio. Defasamento Angular e métodos de ensaio. Rendimento. Regulação. Paralelismo: condições fundamentais, condições de otimização, métodos de paralelismo. Noções de aquecimento: fator k, tipos de refrigeração. Transformadores de medição: transformadores de potencial, transformadores de corrente. Autotransformadores.


BIBLIOGRAFIA

BIBLIOGRAFIA BÁSICA


A.E. Fitzgerald, “Máquinas elétricas”. São Paulo: McGraw-Hill, 2006;

I. Kosow, “Máquinas elétricas e transformadores”, São Paulo: Globo, 2005.

J.C. Oliveira, J.R. Cogo, “Transformadores: teoria e ensaios”, São Paulo: Edgar Blucher, 1984.

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR


A. Martignoni, “Ensaios de máquinas elétricas v. l e v. 2”, Porto Alegre: Globo, 1987.

R.G. Jordão, “Transformadores”, Edgar Blucher, 2002.

A.G. Falcone, “Eletromecânica”. São Paulo: Editora Edgard Blucher, 1985.

M. Milasch, “Manutenção de transformadores em liquido isolante”, São Paulo: Blucher, 1984.

T. Wildi, “Electrical machines, drives, and power systems”, 2nd, Englewood Cliffs, Prentice-Hall, 1991.

AL0042 - Circuitos Elétricos II

DADOS da disciplina


Semestre: 4.

Carga Horária: 60 horas.

Créditos: 3T+1P.

Pré-Requisitos: Circuitos Elétricos I (essencial) e Cálculo II (essencial).


OBJETIVOS


Identificar, analisar e calcular circuitos lineares em regime permanente senoidal.

EMENTA


Números complexos. Fasores. Regime permanente senoidal. Circuitos acoplados magneticamente. Quadripolos. Potência e fator de potência. Circuitos polifásicos.

PROGRAMA


Aplicação de números complexos e fasores para a solução de circuitos em regime permanente senoidal.

Análise em regime permanente senoidal: Tensão. Corrente. Valor eficaz. Potência. Fator de potência. Admitância. Impedância.

Circuitos acoplados magneticamente: indutores e transformadores.

Quadripolos.

Circuitos polifásicos: Tensões e correntes de fase e de linha. Carga em estrela e triângulo. Potência trifásica.

BIBLIOGRAFIA

BIBLIOGRAFIA BÁSICA


D.E. Johnson, J.L. Hilburn, J.R. Johnson, “Fundamentos de análise de circuitos elétricos”, 4ª Ed., Editora Prentice-Hall do Brasil, 1994.

R.L. Boylestad ; tradução: J.L. do Nascimento, “Introdução a análise de circuitos”, 10 ed., São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2004.

C.K. Alexander, “Fundamentos de circuitos elétricos”, Editora Bookman, 2003.

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR


M. Nahvi, J. Edminister ; tradução: G.M. Ribeiro., “Teoria e problemas de circuitos elétricos”, 2 ed, Porto Alegre: Bookman, 2005.

J.W. Nilsson, W. James, “Circuitos elétricos”, 6ª Ed., Editora LTC, 2003.

L.Q. Orsini, “Curso de circuitos elétricos, v. 2”, Editora Edgard Blüncher, 2002.

S.T. Karris, “Circuit analysis II: with Matlab applications”, Editora Orchard Publications, 2003.

M. Gussow, “Schaum's outline of basic electricity”, New York: McGraw-Hill, 2007.

AL0056 - Sistemas Hidráulicos e Térmicos

DADOS da disciplina


Semestre: 5.

Carga Horária: 60 horas.

Créditos: 3T+1P.

Pré-Requisitos: Física II (essencial).


OBJETIVOS


Compreender e aplicar os princípios de termodinâmica em engenharia.

Calcular o rendimento dos ciclos térmicos e aproveitamentos hidrelétricos.

Dimensionar as turbinas térmicas e hidráulicas.

Projetar sistemas de geração de energia elétrica, baseados em fontes renováveis e não renováveis de energia.


EMENTA


Fundamentos e princípios da termodinâmica. Máquinas térmicas e hidráulicas. Fontes convencionais e renováveis de energia elétrica. Centrais elétricas.

PROGRAMA


Fundamentos e princípios da termodinâmica.

Máquinas hidráulicas e térmicas.

Fontes convencionais de energia: Hidráulica. Térmica. Gás. Diesel. Nuclear.

Fontes de energia renovável: Fotovoltaica. Eólica. Biomassa. Hidrogênio.

Centrais elétricas.

BIBLIOGRAFIA

BIBLIOGRAFIA BÁSICA


M.J. Moran, H.N. Shapiro, “Princípios de termodinâmica para engenharia”, 4ª Ed., Editora LTC, 2002.

L.B. dos Reis, “Geração de energia elétrica: tecnologia, inserção ambiental, planejamento, operação e análise de viabilidade”, 1ª Ed., Editora Manole, 2003.

A. Monticelli, A. Garcia, “Introdução a sistemas de energia elétrica”, 1ª Ed., São Paulo: UNICAMP, 2003.

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR


H.I.H. Saravanamuttoo, G. F. C. Rogers, H. Cohen, “Gas turbine theory”, 5ª Ed., Editora Prentice Hall, 2001.

M.G. Simões, F. A. Farret, “Renewable energy systems: design and analysis with induction generators”, Editora CRC Pres, 2004.

T.H. Kuehn, “Thermal environmental engineering”, 3ª Ed., Editora Prentice Hall, 1998.

M.T. Tolmasquim, “Geração de energia elétrica no Brasil”, 1ª Ed., Editora Interciência, 2005.

A. Bejan, “Advanced engineering thermodynamics”, 2ª Ed., Editora John Wiley & Son, 1997.

material de Apoio


Agência Nacional de Energia Elétrica, “Atlas de energia elétrica do Brasil”, ANEEL, 2ª Ed., 2005.

Eletrobras, “Manual de minicentrais hidrelétricas”.



AL0057 - Automação Industrial

DADOS da disciplina


Semestre: 5.

Carga Horária: 60 horas.

Créditos: 3T+1P.

Pré-Requisitos: Algoritmos e Programação (essencial); Circuitos Digitais (desejável) e Acionamentos Elétricos (desejável).


OBJETIVOS


Compreender, analisar e projetar sistemas de controle discreto utilizando Controladores Lógicos Programáveis.

EMENTA


Controlador lógico programável. Programação em linguagem de contatos (Ladder). Programação em lógica sequencial (Grafcet). Interfaces homem-máquina (noções de sistemas supervisórios).

PROGRAMA


Introdução: Lógica de relés. Diagrama de contatos.

Programação dos Controladores Lógico Programáveis (PLC): Linguagens de programação. Arquitetura. Ciclo de varredura.

Linguagem de contatos (Ladder): Funções lógicas. Circuitos de intertravamento. Temporizadores. Contadores.

Lógica Seqüencial (Grafcet): Elementos estruturais. Regras de evolução.

Interfaces Homem-Máquina: Hardware do fabricante. Noções de sistemas supervisórios.

BIBLIOGRAFIA

BIBLIOGRAFIA BÁSICA


P.R. Silveira, W.E. Santos, “Automação e controle discreto”, 9ª Ed., São Paulo: Érica, 2007.

E.A. Bega, et al., “Instrumentação industrial”, 2ª Ed., Rio de Janeiro: Instituto Brasileiro de Petróleo e Gás, 2006.

J. Mamede Filho, Instalações elétricas industriais”, 7ª Ed., Rio de Janeiro: LTC, 2007.

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR


A. Capelli, “Automação industrial: controle do movimento e processos contínuos”, 2ª Ed., São Paulo: Érica, 2007.

J. Stenerson, “Industrial automation and process control”, Upper Saddle River: Prentice Hall, 2003.

J.L.L. Alves, “Instrumentação, controle e automação de processos”, Rio de Janeiro: LTC, 2005.

M. Georgini, “Automação aplicada: descrição e implementação de sistemas seqüenciais com PLCs”, 9ª Ed., São Paulo: Érica, 2007.

P. de L. Castrucci, C.C. Moraes, “Engenharia de automação industrial”, 2ª Ed., Rio de Janeiro: LTC, 2007.

Material de APOIO


H. Jack, “Automated manufacturing systems with PLCs”, versão 5.1. Disponível em: http://www.eod.gvsu.edu/~jackh/books/plcs/ .

G.M. Martins, “Princípios de automação industrial”, versão de agosto de 2007. Disponível em: http://www.ufsm.br/desp/geomar/automacao/index.htm.



AL0058 - Máquinas Elétricas I

DADOS da disciplina


Semestre: 5.

Carga Horária: 60 horas.

Créditos: 3T+1P.

Pré-Requisitos: Circuitos Magnéticos e Transformadores (essencial) e Circuitos Elétricos II (desejável).




1   ...   10   11   12   13   14   15   16   17   ...   35


©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal