Oficina: arte na educaçÃo infantil



Baixar 8,42 Kb.
Encontro26.10.2017
Tamanho8,42 Kb.


OFICINA: ARTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Josélia Schwanka Salomé



joselia.salome@utp.br

Pedagogia, FCHLA

Universidade Tuiuti do Paraná

Precisei de toda uma existência para aprender a desenhar como as crianças”.

Pablo Picasso

A Arte se apresenta no cotidiano infantil na forma de expressão da sua visão de mundo, sua representação da realidade surge quando a criança rabisca ou desenha no papel, na areia, na terra, na água; neste momento, ela está utilizando a linguagem da arte para expressar-se. Esses trabalhos de expressão não são apenas impressões que a criança deixa sobre o suporte, mas explicitam o seu desenvolvimento intelectual, emocional e perceptivo. Para Lowenfeld, “este período da vida é extremamente importante para o desenvolvimento de atitudes sobre o próprio eu e para o estabelecimento da noção de que o mundo é um ligar empolgante e aprazível para se viver.” 1

A presença da Arte na educação infantil apresenta um descompasso entre a produção teórica existente e a prática pedagógica adotada por grande parte dos educadores, para os quais as atividades desenvolvidas nas aulas de arte são tidas como um passatempo, como um enfeite para as datas comemorativas, sem significação para a criança, “por muitas vezes os adultos não considerarem que a criança tem competência para elaborar um produto adequado.” 2 Consideramos fundamental que o professor que atua na educação Infantil, compreenda como se dá o processo de criação nas crianças e suas fases de desenvolvimento criador, para que possa propiciar a oportunidade à criança de crescer por meio de suas experiências artística. Diante desta perspectiva, esta oficina apresenta a Arte na Educação Infantil como uma linguagem que tem estrutura e características próprias que possibilita à criança, no processo de criação, reformular suas idéias e construir novos conhecimentos em situações onde a imaginação, a ação, a sensibilidade, a percepção, o pensamento e a cognição são reativados. Serão desenvolvidas atividades teórico-práticas que visam trabalhar o desenvolvimento da imaginação criadora, da expressão, da sensibilidade e da capacidade estética das crianças, buscando uma maior conscientização por parte dos educadores acerca do processo de criação em arte na Educação Infantil.

Palavras-chave: Ensino da Arte, Educação Infantil.



Bibliografia Recomendada:

AROEIRA, M. L. Didática de pré-escola : vida criança : brincar e aprender. São Paulo : FTD, 1996.

BROUGÉRE, G. Jogo e educação. Porto Alegre : Artes Médicas, 1998.

LOWENFELD, V.. Desenvolvimento da capacidade criadora. São Paulo: Merstre Jou, 1970.

____________. A criança e sua arte. São Paulo : Mestre Jou, 1978.

MARTINS, M. Didática do ensino da arte : a língua do mundo. São Paulo : FTD, 1998.

PILLAR, A Fazendo artes na alfabetização. Porto Alegre : Kuarup, 1993.

Referencial curricular nacional para a educação infantil. Brasília : MEC/SEF, 1998. 3v.


1 LOWENFELD, V. Desenvolvimento da capacidade criadora. São Paulo : Mestre Jou, 1970.

2 Referencial curricular nacional para a educação infantil. Brasília : MEC/SEF, 1998.




©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal