O padre Sena Freitas, apesar de autor de uma vasta e multifacetada obra que abrange as áreas da teologia, da filosofia, da ped



Baixar 5,54 Kb.
Encontro19.08.2017
Tamanho5,54 Kb.

Apresentação do Congresso

«Igreja, Sociedade, Cultura – o Padre Sena Freitas e o seu Tempo»

Universidade Católica Portuguesa, 20 e 21 de Outubro de 2005

A cultura portuguesa tem, desde há cerca de um século, uma dívida de memória e de reconhecimento para com um dos vultos mais notáveis do seu património religioso, social e literário, a que não faltou a experiência e o conhecimento da realidade brasileira. Personalidade muito viajada e atenta às modificações intelectuais e sociais da sua época, polemista temido e orador prestigiado, o Padre José Joaquim Sena Freitas (1840-1913), apesar de autor de uma vasta e multifacetada obra que abrange as áreas da teologia, da filosofia, da pedagogia, da literatura e crítica literárias, do jornalismo, da política e da parenética, é um dos expoentes menos estudados da cultura portuguesa e brasileira dos finais do século XIX e princípios do século XX.

Inserido nas actividades do Centro de Literatura e Cultura Portuguesa e Brasileira da Universidade Católica Portuguesa e reunindo cerca de vinte investigadores de universidades portuguesas, brasileiras e americanas de diversas especialidades, o «Projecto Sena Freitas» tem vindo nos últimos anos a estudar a figura, o pensamento e a intervenção social do P. José Joaquim de Sena Freitas, bem como a preparar a reedição das suas obras.

Na prossecução deste estudo multidisciplinar, está o Centro de Literatura e Cultura Portuguesa e Brasileira a organizar a realização do Congresso Internacional «Igreja, Sociedade, Cultura – o Padre Sena Freitas e o seu Tempo», nos dias 20 e 21 de Outubro de 2005, na Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa, no qual se prevê participarem, além dos membros do «Projecto Sena Fretas», reputados especialistas, europeus e americanos, que procurarão, não só aprofundar o conhecimento da obra e do pensamento de Sena Freitas, mas integrá-lo em horizontes mais amplos de compreensão.



O Congresso é tutelado por uma Comissão de Honra, que integra Dom Manuel Clemente, Bispo Auxiliar de Lisboa, os Magníficos Reitores da Universidade Católica Portuguesa e da Universidade dos Açores e o Provincial dos Vicentinos em Portugal.

Fazem parte da sua Comissão Científica os Prof.s Doutores Luís Machado de Abreu (Universidade de Aveiro), Annabela Rita (Universidade de Lisboa), José Eduardo Franco (Universidade de Aveiro), José Luís Brandão da Luz (Universidade dos Açores), Jorge Croce Rivera (Universidade de Évora) e Manuel Cândido Pimentel (Universidade Católica Portuguesa).



©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal