Mensagem de 2 de Janeiro de 2016



Baixar 27,42 Kb.
Encontro21.01.2018
Tamanho27,42 Kb.




MENSAGEM DA SANTÍSSIMA VIRGEM

DADA, em Fátima, A JUAN ANTONIO

1º Sábado do Ano, 2 de Janeiro de 2016
A Santíssima Virgem está entre nós.

Diz a Santíssima Virgem que rezemos um Pai Nosso a Jesus, presente entre nós (no Sacrário)

Diz a Santíssima Virgem – “Muito obrigada.”

Diz a Santíssima Virgem que em, penitência e pela conversão dos pobres pecadores que, beijemos três vezes a Cruz do Rosário.

Estas são as palavras da Santíssima Virgem:

Meus filhos, que estais aqui presentes, Meus filhos, que em diversas partes do mundo neste primeiro sábado orais em desagravo pelas ofensas ao Meu Imaculado Coração, quero dizer-vos que o Meu Imaculado Coração Triunfará em todo o mundo, graças às vossas orações, graças à vossa obediência. Muitos de vós aqui presentes, e no mundo, vereis este Triunfo realizado, Graças a vós, aqui presentes, e a muitos filhos no mundo, Deus por sua misericórdia, perdoou ao mundo, mas vivereis momentos difíceis, para que entendais que Deus existe. Não tenhais medo, nenhum de vós, porque Deus está convosco.”

Diz a Santíssima Virgem que neste momento, rezemos um Pai Nosso por todas as vocações sacerdotais...

Diz a Santíssima Virgem que levantemos os nossos Rosários que os vai abençoar...

Diz a Santíssima Virgem que todos os que estão aqui presentes estarão sempre dentro do Seu Imaculado Coração.

Agora está a abençoar-nos.

Rezámos no final a oração do Anjo. (Pai, Filho e Espírito Santo…)

Seguiu-se a descrição do Juan Antonio de tudo o que se passou durante a Aparição:


Depois de indicar o sítio onde Nossa Senhora apareceu, Juan diz que estava na vocação de Nossa Senhora de Fátima, sem coroa, toda vestida de branco com muitíssima Luz. Ao princípio com as Suas mãos juntas, e aos Seus pés estava o mundo, e em volta dEla havia muitos Anjos, e eram os nossos Anjos da Guarda - que estavam ao redor dEla. Reconheci-os, porque tinham as nossas feições, (mais belas) e os das crianças estavam do mesmo tamanho. Ao início, Ela pediu por penitência e pela conversão dos pecadores que beijássemos três vezes a cruz do rosário. A Virgem tinha igualmente um Rosário brilhante de Luz, como o branco brilhante que vemos nas estrelas, beijou-o também, e logo pôs as Suas mãos assim... e nelas apareceu o Seu Imaculado Coração.

Ao principio quando pediu que A acompanhássemos a rezar um Pai Nosso a Jesus aqui presente, Ela se inclinou (porque ali está o Santíssimo) e, assim inclinada, rezou todo o Pai Nosso. O Pai Nosso, rezou-o com muita profundidade, e pelo que entendi é que o estava a rezar em latim, não em português nem em espanhol, e muito suavemente. Nós já tínhamos terminado, e a Ela ainda lhe faltava uma parte. Penso que pela consciência que tem das palavras do Pai Nosso. Nós o rezamos mais depressa, talvez porque nos falta entender a profundidade de cada palavra.

Entendi que a Virgem estava consciente de cada palavra, dirigindo-se ao Pai Celestial. E, como sabeis, foi a oração que Jesus nos ensinou.

A mensagem foi aquela que escutaram. E, enquanto dava a mensagem, dava também os agradecimentos pelas nossas orações e pelas orações de muitos dos Seus filhos no mundo.

Depois, disse que o Seu Imaculado Coração Triunfaria, que muitos de nós iríamos ver esse Triunfo. E igualmente muitos no mundo verão esse Triunfo também. Também me chamou a atenção do que Ela me dizia que, graças às nossas orações e às orações em todo o mundo, Deus, por Sua Misericórdia, tinha perdoado ao mundo.

Eu creio que isso traz muitas coisas maravilhosas. Não quer dizer que não sucederá nada, mas diz para não termos medo pelos acontecimentos que se vão dar no mundo. Muitas coisas se irão passar, mas é bonito saber que Deus perdoou ao mundo. Vejam tantas coisas que se passam hoje no mundo. Estamos num mundo moderno que tem ofendido muito a Deus.

Já em 1917 a Virgem o disse aqui em Fátima, que deixássemos de ofender a Deus que estava muito ofendido. Por isso me chamou, muito a atenção de que Deus tinha perdoado ao mundo.

Então, veremos o fruto disso. Eu creio que Deus inspirou o Papa Francisco a fazer um Ano Santo da Misericórdia por algo não? Alguns de nós que estamos aqui, e muitos outros, caminhámos por nove anos, de Lisboa a Fátima, pela intenção que sempre pedíamos, e que era Paz, Amor e Misericórdia para o mundo. Então essa Novena deu fruto, depois de nove anos a caminhar, vem o ano da Misericórdia, que Deus através do Papa proclamou, e o estamos a viver. Nunca a Igreja tinha tocado deste modo este tema, de uma maneira tão magna tão grande, este tema da Misericórdia. Esperamos agora a Paz e o Amor.

Então num momento tão difícil que vive o mundo, aparece o tema da Misericórdia. Como disse a Virgem, Deus por Sua Misericórdia perdoou ao mundo, e isto graças a tantas orações e, embora muitos não rezem, Deus de igual modo nos está dando esta enorme Graça.

Eu me sinto, assim, feliz, depois dos nove anos peregrinando até aqui, e vendo frutos realizados.

Recordo quando no ano passado estávamos peregrinando na Austrália, pedindo pela fé de todos os cristão católicos, coincidiu que era Quaresma, e na verdade foi muito difícil esta peregrinação, no dia em que o Papa Francisco proclamou o Ano da Misericórdia eram, como que, 6 horas da manhã, tínhamos que começar muito cedo para não apanhar demasiado Sol porque o Sol era inclemente, era muito difícil caminhar ao Sol. Então já depois de termos iniciado o caminho, o Ruben me disse, que o Papa Francisco, proclamou hoje o ano da Misericórdia e recordo que começámos a cantar de alegria, e até os pássaros nos acompanhavam e vimos alguns cangurus brincando.

Este acontecimento e agora estas palavras da Virgem neste primeiro Sábado para mim significam muito.

Bom, não sei se têm alguma pergunta?

- Seguiu-se uma breve troca de informações. O Juan acrescentou ainda que a Virgem mostrava o Seu Imaculado Coração, e muitas rosas e raios saíam para nós e para o mundo que estava a Seus pés, e num momento o vi a girar vendo eu todos os continentes a passar, e como sempre o vejo aqui, muitos, raios de luz também subiam de todos os continentes, que significam as orações dos grupos de oração de todo o mundo nestes primeiros Sábados. Continuemos a pedir pela conversão da Rússia para que os seus erros não se continuem a espalhar pelo mundo, e também o espalhar do armamento nuclear, que num instante poderiam acabar com o mundo.

Eu no meu país, Venezuela, sei o que tudo isso significa. Como a Virgem nos pediu mais três peregrinações que terminam em Maio de 2017, esperemos então com Fé e Confiança a protecção e a conversão de todos os pecadores.

Saudações a todos, rezem por mim, que eu continuarei a rezar por vós.






©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal