Lógica: 1ª lista de exercícios



Baixar 16,63 Kb.
Encontro30.07.2018
Tamanho16,63 Kb.

Lógica: 1ª LISTA DE EXERCÍCIOS

Questões introdutórias

  1. Identificar o antecedente (premissas) e o conseqüente (conclusão) dos seguintes argumentos, eliminando os ruídos e explicitando quaisquer premissas suprimidas:

    1. As ostras não são fósseis, pois nenhum fóssil pode ter relações sexuais e uma ostra pode ter relações sexuais.

    2. O pavilhão de Portugal na Expo'98 foi desenhado por Siza Vieira. Por isso é bonito, já que tudo o que é desenhado por Siza Vieira é bonito.

    3. Sartre era nacionalista, pois pertenceu à resistência e as pessoas que pertenceram à resistência eram nacionalistas.

    4. Aguiar foi multado porque foi apanhado sem os documentos do carro.

    5. Pavarotti é italiano, portanto é latino.

    6. Não podes ser um bom filósofo se não sabes argumentar. Ora, tu sabes argumentar, portanto podes ser um bom filósofo.

    7. A legalização do aborto diminui a criminalidade pois filhos não desejados tendem a ser criados com negligência e crescem com maior probabilidade de vir a praticar crimes. (Revista Veja, janeiro/2004, p. 88).

    8. Bem aventurado é aquele que nada espera, pois nunca será decepcionado.




  1. No argumento abaixo: (i) identifique as premissas e a conclusão; (ii) coloque o argumento em forma canônica; (iii) diga se o argumento é válido ou inválido.



    1. É verdade que alguns políticos usam argumentos falaciosos. Ora, somente os bons oradores são políticos, e alguns bons oradores usam argumentos falaciosos.



  1. Quais das seguintes sentenças expressam uma proposição (têm valor de verdade)? Justifique.

    1. Existe vida em outras galáxias.

    2. 2 + 2 = 5.

    3. O vinho é um metal raro.

    4. 2 + 2 = 4.

    5. Silêncio!

    6. O atual presidente do Brasil é do PT.

    7. Alguém pode me dizer as horas?

    8. O primeiro europeu a pisar no continente americano não foi Colombo.

    9. A China é um país distante.

    10. Lisboa não é a capital de Portugal.

    11. Eu moro no Rio de Janeiro.

    12. Jorge, o duende verde, gosta de Coca-cola bem passada.

    13. Prometo que te devolvo o livro amanhã.

    14. Quem me dera passar em lógica!



  1. Responda às seguintes questões:

    1. O que é o valor de verdade de uma sentença? Quais são os valores de verdade que uma sentença pode ter?

    2. Dê dois exemplos de sentenças que NÃO tenham valor de verdade.

    3. É possível que duas sentenças diferentes tenham o mesmo significado? Se a resposta for afirmativa, exemplifique; se for negativa, justifique.

    4. "Uma sentença que não tem valor de verdade não tem significado". Você concorda? Justifique sua resposta.

    5. O que é uma sentença vaga? Dê exemplos.

    6. O que é uma sentença ambígua? Dê exemplos.

    7. Será que um argumento válido pode ter uma conclusão falsa? Justifique e exemplifique.

    8. Dê um exemplo de um argumento inválido com premissas e conclusão verdadeiras.

    9. Todo argumento válido é sólido ou correto? Exemplifique sua resposta.

    10. Todo argumento dedutivo é formal? Exemplifique sua resposta.

    11. O que é um argumento indutivamente forte? E o que é um argumento dedutivamente válido? Justifique e exemplifique.

    12. "Um bom argumento dedutivo é aquele em que se as premissas forem verdadeiras, a conclusão é altamente provável". Você concorda? Justifique sua resposta.

    13. A inclusão de novas premissas, mesmo sem falsificar nenhuma premissa anterior, pode tornar mais fraco um argumento indutivo forte? Justique e exemplifique.

    14. É correto dizer que argumentos dedutivos partem do geral para o particular e os indutivos do particular para o geral? Justique e exemplifique.




  1. Distinguir, entre os argumentos abaixo, os dedutivos dos não dedutivos. Além disso, posicione-se diante do argumento, dizendo, acerca dos argumentos dedutivos, se são válidos ou não, e, dos não-dedutivos, se os considera fortes ou fracos.



    1. Nenhum mamífero é invertebrado. Posto que gatos são mamíferos, gatos são vertebrados.

    2. A grande maioria dos entrevistados declarou que não votará no candidato da oposição. Logo, a oposição não vai ganhar as eleições.

    3. João é solteiro. Logo, João não é casado.

    4. Há fumaça saindo do supermercado e vários carros do Corpo de Bombeiros indo naquela direção. Podemos concluir, portanto, que há um incêndio no supermercado.

    5. Todos os miriápodes são marcianos. Todos os narápodes são miriápodes. Logo, todos os narápodes são marcianos.

    6. Os grandes criadores musicais permitem certas dissonâncias nas suas sinfonias com a finalidade de realçar as partes harmoniosas. Ora, o mundo é como uma sinfonia. Daí que o criador do mundo permita a existência do mal com a finalidade de realçar o bem.

    7. Impedir alguém que não é cristão de fazer aborto em nome da santidade da vida é como impedir os cristãos de comer carne de vaca em nome da divindade das vacas para os hindus. Ora, é errado impedir os católicos de comer carne de vaca porque os hindus consideram que as vacas são sagradas. Logo, é errado impedir os que não são cristãos de fazer aborto em nome da santidade da vida.

    8. Este paciente deve ter AIDS, não apenas porque apresenta alguns sintomas da doença, mas também porque admitiu que teve relações sexuais com uma pessoa contaminada.

    9. Nenhuma pessoa até hoje viveu mais de 150 anos. Logo nenhuma pessoa vive mais de 150 anos.

    10. Todos os espanhóis são toureiros. Plácido Domingo é espanhol. Logo, Plácido Domingo é toureiro.

    11. Todos os portugueses são latinos. Luís Figo é latino, portanto Luís Figo é português.

    12. Bill Gates afirma que dentro de cinco anos os aparelhos de televisão irão passar a ter as mesmas funções que os computadores atuais. Logo, dentro de cinco anos os aparelhos de televisão passarão a ter as mesmas funções que os computadores atuais.

    13. Ou bem uma obra é religiosa, ou bem é científica, sendo que é impossível que uma obra seja simultaneamente religiosa e científica. A Bíblia é uma obra religiosa. Logo, não é uma obra científica.

    14. ABC é um triângulo equilátero. Logo, cada um dos seus ângulos internos tem 60 graus.




©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal