Instituto de desenvolvimento educacional do alto uruguai faculdades ideau



Baixar 0,72 Mb.
Página1/2
Encontro08.12.2017
Tamanho0,72 Mb.
  1   2




INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL DO ALTO URUGUAI

FACULDADES IDEAU



AVALIAÇÃO DE DADOS DE BRUCELOSE E TUBERCULOSE

ALVES, Simone¹

E-mail: simoalve@msn.com
COMIRAM, Diogo¹

E-mail: diogocomiram@yahoo.com.br


PIROLLI, Fernanda¹

E-mail: pirolli2009@hotmail.com


RIBEIRO, Bruno¹

E-mail: brunoribeiro135@yahoo.com.br


SOBIS, Valmor Antônio¹

E-mail: valmorsobis@yahoo.com.br


ARRUDA, Tiago Zart de²

E-mail: tiagoarruda@ideau.com.br


FACCIN, Ângela²

E-mail:angelafaccin@ideau.com.br

OLIVEIRA, Franciele²

E-mail: francieleoliveira@ideau.com.br


RANGHETTI, Álvaro²

E-mail: alvaroranghetti@ideau.com.br


RITTER, Filipe²

E-mail: veterinaria@ideau.com.br


ROSÉS, Thiago²

E-mail: roses@ideau.com.br





RESUMO:

Brucelose bovina é uma doença de distribuição mundial, doença infecciosa crônica de carácter zoonótico, causada pela bactéria do genero Brucella, estão relacionadas a baixa eficiência reprodutiva dos animais e diminuição da produção do rebanho. A tuberculose bovina está presente em todo o território nacional, é uma zoonose de carácter crônico que representa uma das principais enfermidades em rebanhos bovinos, causada por Mycobacterium bovis, caracterizada pelo desenvolvimento progressivo de lesões nodulares denominadas tubérculos. Esse trabalho teve como objetivo avaliar dados de prevalência de brucelose e tuberculose bovina, em propriedades no Município de Água Santa-RS. O estudo foi realizado no laboratório da agropecuária Comavet do Município de Água Santa-RS, credenciado pelo MAPA. Avaliando 39 animais nas respectivas comunidades São Caetano, São Roque, São Miguel. Através dos teste para brucelose AAT e para tuberculose teste de tuberculina. Considerando os 39 animais pesquisados obteve-se 100% negativos para o diagnóstico da Brucella abortus através do teste de AAT e para Mycobacterium bovis através do teste de tuberculinização simples.


PALAVRAS CHAVES: brucelose, tuberculose, teste
ABSTRACT:

Bovine Brucellosis is a worldwide distribution disease, chronic infectious disease of zoonotic nature, caused by bacteria of the genus Brucella, they are related to poor reproductive performance of animals and decreased production of the herd. Bovine tuberculosis is present throughout the national territory, is a chronic nature of zoonotic disease is one of the main diseases in cattle herds, caused Mycobacterium bovis, characterized by the progressive development of nodular lesions called tubercles. This study aimed to evaluate data on the prevalence of brucellosis and bovine tuberculosis in properties in the Water City Santa-RS. The study was conducted in the agricultural laboratory Comavet the city of Santa-RS Water. Evaluating 39 animals in their communities Sao Caetano, São Roque, San Miguel. Through AAT test for brucellosis and tuberculin skin test for tuberculosis. Whereas the 39 animals studied was obtained 100% negative for the diagnosis of Brucella abortus through AAT test and Mycobacterium bovis by simple tuberculin test.


KEYWORDS: brucellosis, tuberculosis, test
INTRODUÇÃO

Brucelose bovina é uma doença de distribuição mundial e de grande importância econômica, também conhecida como febre de malta, febre do mediterrâneo e febre ondulante, a concentação de bovinos em propriedades, introdução de materiais de outras propriedades, alterações do manejo reprodutivo e sanitário facilitam a disseminação da brucelose (Paulin, 2003). Uma doença infecciosa crônica de carácter zoonótico, causadora de graves transtornos reprodutivos, como abortos, retenção de placenta e endometrites em fêmeas. Nos machos ocorre orquites, epededemite, perda do libido e infermidade, a brucelose bovina provoca grande impactos econômicos como a perda de mercados, queda na produção de leite e carne, redução do valor dos animais, restrições na cadeia reprodutiva da carne, aumento no número de vacas estéreis e consequente declínio da taxa de natalidade, comprometendo a produtividade do rebanho (GOMES, 2007).

Esta doença é considerada uma zoonose, pois o homem pode se infectar pelo contato com animais portadores de tais doenças. A transmissão da brucelose para ser humano pode ocorrer através da ingestão de leite e seus derivados e por contato com animais enfermos ou matérias de aborto (ALMEIDA, 2010).

A doença é causada pela bactéria do genero Brucella estão relacionadas a baixa eficiência reprodutiva dos animais e diminuição da produção do rebanho. É uma bactéria Gram-negativa, cocobacilo curto, pequeno e pleomórfico, pode ser classificada em seis espécies: Brucella abortus, Brucella suis, Brucella melitensis, Brucella neotomae, Brucella ovis e Brucella canis, podem ser dividios em grupos destintos, respectivamente: as lisas ou clássicas e as rugosas (KISHIDA, 2008).



A tuberculose bovina é responsável por perdas econômicas importantes na pecuária brasileira e está presente em todo o território nacional, sua prevalência é maior em países em desenvolvimento onde o conhecimento da epidemiologia da doença e as ações concretas para o seu controle são limitadas. É uma zoonose de carácter crônico que representa uma das principais enfermidades em rebanhos bovinos (REVIRIEGO GORDEJO; VERMEERSCH, 2006). Da mesma forma ocorre à transmissão da tuberculose, é transmitida através do leite cru e seus derivados contaminados, via cutânea e por via respiratória, o que pode ser explicado devido a fala de higiêne no momento da ordenha ou mesmo em acidentes durante a vacinação, pelos médicos veterinários (LOPES, 2008).

Mycobacterium bovis, é Gram-positivos, imóvel, não formadores de esporos ou cápsulas e crescimento lento (COSTA, 2012). Caracterizada pelo desenvolvimento progressivo de lesões nodulares denominadas tubérculos, é a causa mais comum de tuberculose é disseminada entre os bovinos prinvipalmente por via oral e respiratória. Pode ser introduzida em um rebanho principalmente pela aquisição de animais já infectados, podendo se propagar nos demais bovinos independente do sexo, raça ou idade (HEINENMAMM, 2008).

Esse trabalho teve como objetivo avaliar dados de prevalência de brucelose e tuberculose bovina, em propriedades no Município de Água Santa-RS.


MATERIAL E MÉTODOS

A coleta do material foi realizada no interior do Município de Água Santa- RS (latitude:28º 10’ 39’’ SulLongitude: 52º 2’ 6’’ Oeste), nas comunidades São Caetano, São Roque, São Miguel, totalizando 39 animais de produção leiteira, com aproximadamente 550kg, observando parâmetros de controle sanitário e manejo alimentar (DECRETO n° 24.548, de 3 de julho de 1934).



O estudo foi realizado no laboratório da agropecuária Comavet do Município de Água Santa-RS, credenciado pelo MAPA Medico Veterinário Vilmar Roque Comiran de CRMV 10215. A eficácia de um programa nacional de combate a qualquer doença depende, em parte, da qualidade e da padronização dos procedimentos de diagnóstico utilizados. Os testes para brucelose (Figura 1) diagnóstico indireto reconhecidos como oficiais (BRASIL, 2006).

Figura 1: teste de diagnóstico da brucelose.



  1   2


©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal