Ie/1334 epistemologia e ciência



Baixar 16,39 Kb.
Encontro03.11.2017
Tamanho16,39 Kb.

Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

Decanato de Pesquisa e Pós-graduação
  1. Curso de Pós-graduação em Ciências Veterinárias



IE/1334 - EPISTEMOLOGIA E CIÊNCIA

Crédito: (2T - 0P)
Carga Horária: (30T - 00P)
Professor Responsável: Dra. Ana Cristina Souza Santos


OBJETIVO:

Compreender os pressupostos filosóficos que fundamentam o pensamento científico. Entender o processo de construção do conhecimento científico ao longo da história e seus paradigmas.



EMENTA:

Características principais do pensamento filosófico da Grécia até a contemporaneidade. Epistemologia da Ciência. Ética e Ciência. Princípios emergentes da Ciência.



PROGRAMA ANALÍTICO:

I - CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS DO PENSAMENTO FILOSÓFICO

1 Processo do conhecimento: sujeito e objeto.

2. Filosofia e seus modos de pensar:

2.1. A metafísica e a essência do homem.

2.2. O iluminismo e o racionalismo.

2.3. O conhecimento lógico-experimental e o positivismo.

2.4. A filosofia dialética.

3. O senso comum, as concepções de Ciência e a razão instrumental.


II - EPISTEMOLOGIA DA CIÊNCIA
1. Filosofia da Ciência: Epistemologia, lógica e metafísica.

2. Formas de raciocínio em Ciência.

3. Conhecimento científico.

4. Teorias metafísicas.

5. O corpusculismo.

6. A explicação científica.


III - CIÊNCIA E ÉTICA

IV - PARADIGMA DOMINANTE/ EMERGENTE
1. Cenário epistemológico da complexidade

REFERÊNCIAS BÁSICAS:

  1. ALVES, Rubem. Filosofia da ciência: introdução ao jogo e suas regras. São Paulo: Brasiliense, 1981.

  2. ARANHA, Maria L. de A. Filosofia da Educação. São Paulo: Moderna, 1989.

  3. ARANHA, Maria L. A. & MARTINS, Maria H. P. Filosofando: introdução à filosofia. 2. ed. São Paulo: Moderna, 1993.

  4. BOHM, D., A totalidade e a ordem implicada: uma nova percepção da realidade, São Paulo, Cultrix, 1992.

  5. BUZZI, Arcângelo R. Introdução ao pensar: o Ser, o Conhecimento, a Linguagem. Petrópolis - RJ: Vozes, 1995.

  6. CAPRA, F., A teia da vida, São Paulo, Cultrix, 1996.

  7. CHAUÍ, Marilena. Convite a Filosofia. São Paulo: Ática, 1995.

  8. CONGRESSO DE LOCARNO, Que universidade para o amanhã? Em busca de uma evolução transdisciplinar da Universidade. Disponível na Internet: http//perso.club-nternet.fr/nico/ciret/locarno/locapor4.htm, Locamo, Suíça, 30/04 a 02/05 de 1997.

  9. DAMÁSIO, A. O erro de Descartes, São Paulo, Companhia das Letras, 1996.

  10. DEMO, Pedro, Certeza da incerteza: ambivalência do conhecimento e da vida.Brasília Ed. Plano, 2000. 23". ed.

  11. ESCOBAR, Carlos Henrique de. Epistemologia das ciências hoje. Rio de Janeiro: Pallas, 1975.

  12. FLICKINGER, H. G., NEUSER, W., A teoria da auto-organização, Porto Alegre. Edipucrs, 1994.

  13. FOUCAULT, M., Vigiar e punir, Petrópolis, Vozes, 1975.

  14. FOUCAULT, M., Microfísica do poder, Rio de Janeiro, Graal, 1979.

  15. GLEICK, J., Caos: a criação de uma nova ciência, Rio de Janeiro, Campus, 1990.

  16. HABERMAS, J., Teoria de la acción comunicativa, Tomo I, Racionalidade de 1a acción e racionalización social, Madri, Taurus, 1988.

  17. HARRÉ, R., The Philosophies of Science. 2ed., Oxford, Oxford University Press, 1985.

  18. HEISENBERG, W., Teoria crítica e uma filosofia, in: SALN, A. HEISENBERG, W., DIRAC, P, A unificação das         forças fundamentais: o desafio da física contemporânea, Rio de Janeiro, Zahar, 1993.

  19. JAPIASSU, Hilton. O mito da neutralidade científica. Rio de janeiro: Imago, 1975

  20. JAPIASSÚ, Hilton; MARCONDES, Danilo. Dicionário básico de filosofia. 3 ed. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed.1996.

  21. KNELLER, George F. A ciência como atividade humana. São Paulo: Edusp; Rio de Janeiro: Zahar, 1980.

  22. KUHN, Thomas. A estrutura das revoluções científicas. São Paulo: Perspectiva, 1991

  23. LUCIE, Pierre. A gênese do método científico. 2. ed. Rio de Janeiro: Campus, 1978.

  24. MATOS, Olgária. Escola de Frankfurt: luzes e sombras do iluminismo. São Paulo: Moderna, 1993.

  25. MATURANA, H. VARELA, F., A Árvore do conhecimento, Campinas, SP, Ed. PSY II, 1995

  26. MORIN, E. Introdução ao pensamento complexo. Lisboa: Instituto Piaget, 1991.

  27. MORIN, E. O enigma do homem, Rio de Janeiro, Zahar, 1979.

  28. MORIN, E. O Método I. A natureza da natureza, Portugal, Publicações Europa-América, 1977

  29. MORIN, E. O Método II. Vida da vida., Portugal, Publicações Europa-América, 1980.

  30. MORIN, E. O Método III. Conhecimento do conhecimento, Portugal, Publicações Europa-América, 1986.

  31. MORIN, E. O Método 4. As idéias, Porto Alegre, Sulina, 1998

  32. MORIN, E. Problema Epistemológico da complexidade, Portugal, Europa-América, 199 1.

  33. NICOLESCU, Basarab, A evolução transdisciplinar na universidade - Condição para odesenvolvimento sustentável. Disponível na Internet: http//perso.club-nternet.fr/nico/ciret/bulletin /12/b12cgpor.htm

  34. NICOLESCU, Basarab, A Aspectos godelianos da natureza e do conhecimento. Disponível na Intemet: http:/www.cetrans.futuro.usp.br/godelianos.htm, 11/06/99

  35. NICOLESCU, Basarab, A O manifesto da transdisciplinaridade, São Paulo, TRION, 1999.

  36. OLIVEIRA, Manfredo A. de., Ética e Racionalidade Moderna, São Paulo, Ed. Loyola, 1993.

  37. PESSIS-PATERNAK, G., Do Caos a Inteligência Artificial, São Paulo, Unesp, 1993.

  38. PRIGOGINE, I. e STENGERS, I. Entre o tempo e a eternidade, São Paulo, Companhia das Letras, 1992.

  39. PRIMEIRO CONGRESSO MUNDIAL DA TRANSDISCIPLINNARIDADE. Carta de transdisciplinaridade. Portugal, Convento de Arrábia, 1994. Disponível na Internet: http//perso.club-nternet.fr/nico/ciret/bulletin/12b12cgpor.htm

  40. RESENDE, Antônio (org.). Curso de Filosofia 6. ed. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1996.

  41. SANTOS, B. de S., Um discurso sobre as Ciências, Porto, Ed. Afrontamento, 1987.

  42. SEVERINO, Antônio Joaquim. Filosofia. São Paulo: Cortez, 1993.

  43. TALBOT, M., O universo holográfico, São Paulo, Círculo do Livro, 1991.

  44. TELES, Antônio Xavier. Introdução ao estudo de Filosofia 30. ed. São Paulo: Ática, 1995.

  45. VAZ, Henrique C. de Lima, Escritos de Filosofia 11: Ética e Cultura, São Paulo, Ed. Loyola, 1993.




©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal