Filosofando, introduçÃO À filosofia



Baixar 3,09 Mb.
Página1/54
Encontro06.07.2017
Tamanho3,09 Mb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   54


FILOSOFANDO, INTRODUÇÃO À FILOSOFIA

MARIA LUCIA DE ARRUDA ARANHA

FILOSOFANDO INTRODUÇÃO À FILOSOFIA


EDITORA MODERNA
MARIA LUCIA DE ARRUDA ARANHA

Professora da Escola Nossa Senhora das Graças (São Paulo)

MARIA HELENA PIRES MARTINS

Professora da Escola de Comunicação e Artes da USP


2ª edição

revista e atualizada

EDITORA MODERNA


DIRETOR GERAL

Ricardo Feltre

DIRETOR EDITORIAL

Sérgio Couto

DIRETOR DE PRODUÇÃO

Eduardo Arissa Feltre

DIRETOR DE MARKETING

Edaury Cruz

DIRETOR ADM. FINANCEIRO

José Maria de Oliveira

DIRETOR DE PLANEJAMENTO

Ricardo Arissa Feltre

COORDENAÇÃO EDITORIAL

Geraldo O. Fernandes, Virginia Aoki

COORDENAÇÃO DE PREPARAÇÃO

Luiz Vicente Vieira Filho

PREPARAÇÃO DE TEXTOS

Valter A. Rodrigues

EDIÇÃO DE ARTE

Wanduir Durant

CHEFIA DE ARTE

Valdir Oliveira

PESQUISA ICONOGRÁFICA

Maria Lúcia de A. Aranha, Maria Helena P. Martins, Vera Lucia da Silva arrionuevo

CAPA

Wanduir Durant(reprodução do óleo de René Magritte,1936 -"Le clef des champs")

EDITORAÇÃO ELETRÕNICA

Eduardo Camargo do Amaral

DIAGRAMAÇÃO

Wilson Gazzoni Agostinho

COORDENAÇÃO DE REVISÃO

Lisabeth Bansi Giani

Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP)

(Câmara Brasileira do Livro, SP, Brasil)

Aranha, Maria Lúcia de Arruda

São Paulo - 1993
Bibliografia.
I. Filosofia 2. Filosofia-Introduções I. Martins, Maria Helena Pires. II. Título.

93-1477


CDD-I01

Índices para catálogo sistemático:

I. Filosofia : Introdução 1 01

ISBN 85-16-00826-6

Todos os direitos reservados

EDITORA MODERNA LTDA.

Rua Afonso Brás. 43I

Tel.: 8?2-5099

CEP 0451 I-90l - São Paulo - SP - Brasil

Impresso no Brasil

24681097531

SUMÁRIO


UNIDADE I - O HOMEM

1. A cultura

1. Introdução 2

2. A atividade animal 2

Ação instintiva, 2 A inteligência concreta 3

3. A atividade humana 4

A linguagem, 4 O trabalho 5

4. Cultura e humanização 6

5. A comunidade dos homens 6

Texto complementar

Adorno e Horkheimer: O homem e o animal 8

2. Trabalho e alienação

1. Visão filosófica do trabalho 9

2. Visão histórica do trabalho 9

Nascimento das fábricas e urbanização,10

A sociedade pós-industrial 11

3. O que é alienação? 11

Conceituação de alienação,12

Alienação na produção,13

Alienação no consumo 15

Alienação no lazer 17

UNIDADE II - O CONHECIMENTO

3. O que é conhecimento

1. Introdução 21

2. Formas de conhecer 21

Intuição 22

Conhecimento discursivo 22

3. Teoria do conhecimento 23

A verdade, 23 A possibilidade do conhecimento 25

O âmbito do conhecimento 26

A origem das idéias 26

4. Linguagem, conhecimento, pensamento

1. A linguagem como atividade humana 28

2. Estruturação da linguagem 29

Tipos de signo, 29 Elementos da linguagem 30

3. Tipos de linguagem 30

4. Linguagem, pensamento e cultura 31

Textos complementares

Edward Lopes: As línguas naturais e a cultura 33

Jean-Claude Bernardet: O nascimento de uma linguagem 33

5. Ideologia

Primeira parte - O que é ideologia?

1. Senso comum e bom senso 35

2. Ideologia: sentido amplo 36

3. Ideologia: sentido restrito 36

A concepção de Gramsci, 36

Conceituação de ideologia 37

4. O discurso não-ideológico 39

Segunda parte - A ideologia na escola

1. As teorias reprodutivistas 40

2. Os textos didáticos 41

3. Onde está a saída? 42

Textos complementares

Destutt de Tracy: [Dois sistemas de instrução] 44

Terceira parte - A ideologia nas histórias em quadrinhos

1. Introdução 46

2. A decodificação ideológica dos quadrinhos 46

3. Os quadrinhos alternativos 48

Texto complementar

Moacy Cirne: O quadrinheiro e a responsabilidade social do artista 49

Quarta parte - Propaganda e ideologia

1. Propaganda comercial 50

2. Propaganda ideológica 51

3. Consequências sociais da propaganda 52

6. A consciência mítica

1. Introdução 54

2. O mito entre os primitivos 55

Funções do mito 56

O homem primitivo e a consciência de si 57

3. Mito e religião 57

4. O mito hoje 58

Textos complementares

Pierre Clastres: Iniciação 60

Roland Barthes: Conjugais 60

7. Do mito à razão: o nascimento da filosofia na Grécia Antiga

1. Introdução 62

2. A concepção mítica 63

As epopéias, 63 A

Teogonia 63

3. A concepção filosófica 63

A escrita, 64

A moeda 64

A lei escrita 65

O cidadão da pólis 65

O nascimento do filósofo 66

4. Mito e filosofia: continuidade e ruptura 67

Textos complementares

Pré-socráticos: fragmentos 68

Platão: Os poetas 69

8. O que é filosofia?

1. Introdução 71

2. A atitude filosófica 72

3. A filosofia e a ciência 72

4. O processo do filosofar 73

A filosofia de vida 73

A filosofia propriamente dita 74

5. Qual é a "utilidade" da filosofia? 75

6. Filosofia: nem dogmatismo, nem ceticismo 76

Textos complementares

Jaspers: A filosofia no mundo 77

Platão: Ciência e missão de Sócrates 78

9. Instrumentos do conhecimento

Primeira parte - Lógica formal

1. Introdução 79

2. Inferência e argumento 79

3. Tipos de argumentação 80

Dedução, 80 Indução, 81 Analogia 82

4 Falácias 83

Falácias não-formais, 83 Falácias formais 84

5. Histórico da lógica 84

A lógica aristotélica (ou lógica clássica) 84

A lógica pós-aristotélica 85

Segunda parte - Lógica dialética

1. Introdução 88

2. Características da dialética 88

3. A dialética marxista 89

As três leis da dialética 89

Os riscos da dialética 90

4. Lógica formal e lógica dialética 90

Textos complementares

Engels 91

Roger Garaud 91

10. Teoria do conhecimento

Primeira parte - Teoria do conhecimento na Antiguidade

1. Introdução 92

2. Filosofia pré-socrática 93

Heráclito: tudo flui 93

Parmênides: o ser é imóvel 93

3. Os sofistas 93

4. Sócrates 95

5. Platão 95

Idealismo ou realismo das idéias? 96

6. Aristóteles 97

Uma nova concepção do devir 97

Deus, Ato Puro 98

7. A metafísica 98

Texto complementar

Platão: O mito da caverna 99

Segunda parte - Teoria do conhecimento na Idade Média

1. A patrística 101

2. A escolástica 101

A questão dos universais 102

Texto complementar

Santo Tomás: As verdades da razão natural não contradizem as verdades da fé cristã 103

Terceira parte - Teoria do conhecimento na Idade Moderna e Contemporânea

1. Racionalismo e empirismo 103

O racionalismo cartesiano 104

O empirismo inglês 105

Textos complementares

Francis Bacon 108

Descartes,108

Locke 110

Hume 110

2. Criticismo kantiano 111

A Ilustração 111

O criticismo kantiano 112

Texto complementar

Emmanuel Kant: O que é a ilustração 115

3. A filosofia pós-kantiana (séc. XIX) 115

O positivismo 115

4. O idealismo hegeliano 118

5. O materialismo marxista 119

Materialismo dialético e materialismo histórico 120

6. Quadros comparativos: idealismo/ mecanicista e materialismo dialético 121

Quarta parte - O século XX e a crise da razão

1. Antecedentes: Kierkegaard e Nietzsche 122

2. A fenomenologia 123

3. A Escola de Frankfurt 124

4. A razão 124

A herança iluminista 124

O novo Iluminismo 125

UNIDADE III - A CIÊNCIA

11. O conhecimento científico

Primeira parte - O que é ciência?

1. Introdução 127

2. O senso comum 127

3. O conhecimento científico 129

4. Ciência e poder 130

Segunda parte - A filosofia e as ciências

1. Os mitos da ciência 131

2. Qual é o papel da filosofia? 133

Texto complementar

H. Japiassu: O mito da neutralidade cientifica 134

12. A ciência grega

1. Introdução 135

2. Matemática e mecânica 135

3. O saber contemplativo 136

4. Platão 136

A cosmologia platônica 137

5. A ciência aristotélica 137

Pressupostos metafísicos 137

A física aristotélica 138

A astronomia aristotélica 138

Algumas considerações sobre Aristóteles 139

Texto complementar

Aristóteles: Metafísica 140

13. A ciência medieval

1. A filosofia medieval 143

A filosofia patrística,143 A escolástican 143

2. A ciência medieval 144

Qual o lugar da ciência no mundo medieval? 144

3. Exceções à tradição medieval 144

Roger Bacon 145

A alquimia 145

Os árabes 145

4. A decadência da escolástica 145

Texto complementar

Santo Tomás de Aquino: Deus é imóvel 146

14. A ciência na Idade Moderna - a revolução científica do século XVII

1 Introdução 147

2. Características do pensamento moderno 148

Racionalismo,148

Antropocentrismo 148

Saber ativo 149

3. A física na Idade Moderna 149

4. A astronomia: o heliocentrismo 150

5. As transformações produzidas pelas novas ciências 151

Secularização da consciência 151

Descentcalização do cosmos 151

Geometcização do espaço 152

Mecanicismo 152

15. O método científico

1. Introdução 154

2. O método na Idade Moderna 154

3. A classificação das ciências 155

4. O método experimental 155

Observação 155

Hipótese 156

Experimentação 157

Generalização 157

5. O conceito de modelo 158

6. As ciências após o século XVII 159

A síntese newtoniana 159

A química,160 A biologia 160

As ciências humanas 161

7. A crise da ciência no final do século XIX 162

As geometrias não-euclidianas,162 A física não-newtoniana,162

8. As novas orientações na epistemologia contemporânea 162

O Círculo de Viena 163

A reação de Popper 163

A posição de Kuhn 163

Feyerabend: contra o método 163

Texto complementar

Karl Popper: [O conhecimento científico] 164

16. As ciências humanas

I. Introdução 166

2. Dificuldades metodológicas das ciências humanas 167

3. Tendência naturalista: o positivismo 168

A psicologia experimental 168

4. Tendência humanista 170

A crítica ao positivismo: a fenomenologia 170

A psicanálise 172

5. Quadro comparativo: tendência naturalista e tendência humanista 174

Textos complementares

Skinner: O âmbito dos retlexos condicionados 175

Merleau-Ponty: O corpo 176

Merleau-Ponty: A sexualidade 177

UNIDADE IV - A POLÍTICA

17. Introdução à política

1. Introdução 179

2. O poder 179

Poder e força 180

Estado e poder 180

O poder legítimo 180

3. Uma reflexão sobre a democracia 181

A personalização do poder 181

A institucionalização do poder 181

O exercício democrático 182

A fragilidade da democracia 183

Textos complementares

Pascal 184

H. Arendt 184

Marilena Chaui 185

18. A sociedade tribal

1. A perspectiva dos "civilizados" 186

2. O poder nas sociedades tribais 187

Textos complementares

Norma Telles: Diversidade cultural e etnocentrismo 189

Pierre Clastres: [Preconceito] 189

19. O pensamento político grego - a política normativa

1. Antecedentes 190

2. Os sofistas 192

3. O pensamento político de Platão 192

A utopia platônica: A República 193

As formas de governo 194

4. O pensamento político de Aristóteles 194

A cidade feliz,194

Quem é cidadão?195

As formas de governo,195

5. Conclusão: o bom governo 196

Textos complementares

Péricles: A democracia ateniense 197

Platão 197

20. O pensamento político medieval - a vinculação da política à religião

1. Introdução 199

2. Estado e Igreja 200

3. A luta das duas espadas 200

4. A concepção tomista 201

5. O renascimento urbano 201

21. A política como categoria autônoma

Primeira parte - Maquiavel

1. Formação do Estado nacional 203

2. A Itália dividida 203

3. Controvérsias sobre O príncipe 204

4. O príncipe virtuoso 204

5. Ética e política 205

6. Maquiavel republicano 206

7. A autonomia da política 206

Textos complementares

Maquiavel: O príncipe 207

Maquiavel: Comentários sobre a primeira década de Tito Livio 209

Segunda parte - Hobbes e o Estado absoluto

1. Introdução 210

2. Estado de natureza e contrato 210

3. O Estado absoluto 211

4. Uma interpretação 212

5. Pensamentos divergentes 212

Texto complementar

Hobbes: Leviatã 213

22. O pensamento liberal

Primeira parte - O que é liberalismo

1. A história 216

2. As idéias 216

Segunda parte - Locke

1. Introdução 218

2. Estado de natureza e contrato 218

3. Sociedade civil: a institucionalização do poder 218

4. O conceito de propriedade 219

Texto complementar

Locke: Segundo tratado sobre o governo 220

Terceira parte - Montesquieu

1. O Iluminismo 221

2. Autonomia dos poderes 222

Textos complementares

Montesquieu: O que é a liberdade 223

Montesquieu: [Os três poderes] 223

Quarta parte - Rousseau e a democracia direta

1. Introdução 223

2. O estado de natureza 224

3. O contrato social 225

Soberano e governo 225

A vontade geral 225

4. Rousseau pedagogo . 226

5. Rousseau revolucionário? 226

6. Conclusão 227

Textos complementares

Rousseau: Discurso sobre a origem e os fundamentos da desigualdade entre os homens 228

Rousseau: Do contrato social 228

Quinta parte - O liberalismo do século XIX

1. Introdução 229

2. O liberalismo francês 230

3. O liberalismo inglês 230

4. As contradições do século XIX 231

23. Hegel: a teoria do Estado

1. Introdução 233

2. A dialética idealista 233

3. A concepção de Estado 234

4. A influência da filosofia hegeliana 234

24. A crítica ao Estado burguês: as teorias socialistas

Primeira parte - As idéias socialistas

1. Introdução 236

2. O socialismo utópico 237

Crítica ao socialismo utópico 238

3. Feuerbach 239

Segunda parte - O marxismo

1. Introdução 240

2. Materialismo dialético 240

3. Materialismo histórico 241

A práxis, 241

A luta de classes 242

4. A mais-valia 243

5. Alienação e ideologia 243

6. Estado e sociedade 244

7. A utopia comunista 245

Texto complementar

Marx: Prefácio à Contribuição à critica da economia política 246

Terceira parte - O anarquismo

1. Introdução 247

2. Principais idéias do anarquismo 247

3. Representantes e movimentos 248

O anarquismo no Brasil 249

Texto complementar

Woodcock: A ditadura do relógio 249

25. O totalitarismo: fascismo, nazismo e stalinismo

1. Fascismo e nazismo: totalitarismo de direita 251

Situação histórica 251

Características principais 252

2. Stalinismo: totalitarismo de esquerda 254

3. O autoritarismo 255

Textos complementares

Versos de Trilussa 256

Orwell: Dois Minutos de Ódio 258

26. Liberalismo e socialismo hoje

Primeira parte - O liberalismo no século XX

1. Introdução 259

2. Liberalismo social 260

3. Liberalismo de esquerda 260

4. Neoliberalismo 261

Segunda parte - O socialismo no século XX

1. Introdução 262

2. Que fazer? 263

3. As diversas faces do marxismo 264

A social-democracia 264

A esquerda da social-democracia 265

Gramsci 265

A teoria crítica da sociedade 265.

O eurocomunismo 266

Outras tendências 267

4. A crise do "socialismo real" 267

Texto complementar

Paul Singer: [A economia socialista] 268

Terceira parte - Reflexões finais

1 . Fim da utopia? 269

2. Neoliberalismo: solução ou problema? 269

3. Onde está a saída? 270

UNIDADE V - A MORAL

27. Introdução à moral

1. Os valores 273

2. A moral 274

3. Caráter histórico e social da moral 274

4. Caráter pessoal da moral 275

5. Caráter social e pessoal da moral 275

6. O ato moral 276

Estrutura do ato moral 276

O ato voluntário 277

O ato responsável 277

O dever e a liberdade 277

A virtude 278

7. Conclusão 278

Textos complementares

Walter Ceneviva: O crime "elegante", 279 Eduardo Prado Coelho: Interdição e transgressão 280

Franz Kafka: Diante da Lei 281

28. Concepções éticas

1. Mito, tragédia e filosofia 283

2. A concepção grega de moral 284

3. A moral iluminista 284

Kant 285

4. Marx: a moral como superestrutura 285

5. Nietzsche: a transvaloração dos valores 286

6. Freud: as ilusões da consciência 286

7. A filosofia da existência 287

8. A questão moral contemporânea 287

O novo Iluminismo 288

Habermas e a ética discursiva 289

29. A adolescência

1. Introdução 290

2. A crise da adolescência 290

3. A teoria de Piaget 291

Os quatro estágios 291

A construção da consciência moral 293

4. A teoria de Kohlberg 294

Texto complementar

Paulo Mendes Campos: Para Maria da Graça 295

30. A liberdade

1. Introdução 297

2. O que é determinismo 298

3. A teoria da liberdade incondicional 299

4. Superação da dicotomia 299

Determinismo ou liberdade? 299

A liberdade situada 300

5. A estrutura do homem 300

Aspecto empírico 301

Aspecto pessoal 301

Aspecto aperceptivo 301

Conclusão 302

6. A dimensão social da liberdade 302

31. O existencialismo

1. A fenomenologia 304

2. Heidegger 304

3. Sartre e o existencialismo 305

Essência e existência 306

A liberdade e a angústia 307

A má fé 307

A responsabilidade 307

O absurdo 308

4. Conclusão 308

Texto complementar

Simone de Beauvoir: Moral da ambigüidade 309

32. O corpo

1. A posição idealista 311

Platão 311

O ascetismo medieval 311

2. A posição materialista 312

A dessacralização do corpo 312

3. A relação corpo-espírito para Spinoza 313

4. A posição da fenomenologia 315

5. Exemplos de integração corpo-consciência 315

O trabalho humano 315

A educação física 316

A sexualidade 316

A dor e a doença 316

Integração das atividades gerais 317

6. Conclusões 317

33. O amor

1 . O mito de Eros 319

2. O encontro: a intersubjetividade 320

Os paradoxos do amor 320

3. Amor e perda 321

4. O amor no mundo contemporâneo 322

Texto complementar

Roland Barthes: Fragmentos de um discurso amoroso 323

34. O erotismo

1. A cultura e a lei 324

2. Obstáculos a Eros 326

O puritanismo 326

A permissividade 327

3. Conclusão 329

Texto complementar

Roland Barthes: Fragmentos de um discurso amoroso 330

35. A morte

1. A morte como enigma 331

2. As mortes simbólicas 331

3. A filosofia e a morte 332

4. Aspecto histórico-social da morte 332

As sociedades tribais e tradicionais 332

A negação da morte 333

UNIDADE VI - ESTÉTICA

36. Criatividade

1. Conceitos: o uso vulgar, a definição do dicionário, o uso em psicologia 337

2. Critérios de determinação da criatividade 338

3. Criatividade como capacidade humana 338

A imaginação 338

A inspiração 339

4. Desenvolvimento e repressão da criatividade 339

Texto complementar

Rudolf Arnheim: [Contemplação e criatividade] 340

37. Estética: introdução conceitual

1. Conceituação: no uso vulgar, em artes, em filosofia 341

2. Etimologia da palavra estética 341

3. O belo e o feio: a questão do gosto 342

4. A recepção estética 343

Texto complementar

Friedrich Schiller: Carta XX 344

38. Arte como forma de pensamento

1. Arte é conhecimento intuitivo do mundo 345

O papel da imaginação na arte 346

Arte e sentimento 346

2. A educação em arte 347

Texto complementar

Ernst Fischer: Arte e sociedade 349

39. Funções da arte

1. Função pragmática ou utilitária 350

2. Função naturalista 351

3. Função formalista 351

Texto complementar

Fernand Léger: O novo realismo: a cor pura e o objeto 353

40. O significado na arte

1. A especificidade da informação estética 354

2. A forma 355

A função poética: a transgressão do código 355

O papel das vanguardas artísticas 356

3. O conteúdo 357

Texto complementar

Ferreira Gullar: O que diz a obra de arte 360

41. Concepções estéticas

1. O naturalismo grego 362

Conceito de naturalismo 362

O naturalismo na arte grega 363

2. A estética medieval e a estilização 364

Santo Agostinho 364

Santo Tomás de Aquino 364

3. O naturalismo renascentista 365

4. Iluminismo e academismo: a estética normativa 365



  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   54


©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal