FatosHistSobreCalculo (Aula01-Top. 1-Link 2)



Baixar 177,46 Kb.
Página1/3
Encontro01.08.2017
Tamanho177,46 Kb.
  1   2   3



FatosHistSobreCalculo (Aula01-Top.1-Link 2)
A palavra “cálculo” vem do latin “calculus” que significa pequenas pedras, assim “calcular” quer dizer “contar com pedras”, isto não tem nada a ver com o Cálculo Diferencial e Integral, ou seja, a parte da Matemática que estuda derivação e integração de funções juntamente com as suas aplicações.
O Cálculo teve seu desenvolvimento pleno no século XVII, onde a contribuição maior se deve ao físico e matemático inglês Isaac Newton (1642-1727) e ao filósofo e matemático alemão Gottfried Wilhelm Leibniz (1646-1716) que descobriram de forma independente a relação entre derivada e integral, através do resultado conhecido como “O Teorema Fundamental do Cálculo”, a derivada e a integral já eram conhecidas muito antes do nascimento de Newton e Leibniz. Embora a História atribua a invenção do Cálculo a Newton e Leibniz, outros matemáticos (antes e depois de Newton e Leibniz) contribuíram substancialmente ao desenvolvimento do Cálculo.
O Cálculo não foi criado (ou descoberto) na ordem seqüencial de tempo em que são abordados os tópicos nos modernos textos da área, os textos são esquematizados de forma que atenda um melhor critério didático, segundo a visão do autor; muitos problemas particulares que fazem parte do Cálculo atualmente, tratados nos textos após vários meses de estudo, foram resolvidos antes de existir o conceito de função (onde se inicia o estudo do Cálculo atualmente), podemos mencionar: o matemático grego Arquimedes de Siracusa (287-212 A.C.) calculou tangentes, áreas, volumes e centros de gravidade; o matemático grego Pappus (séc. IV A.D.) achou centros de gravidade de sólidos e superfícies de revolução. Entretanto, foi o matemático francês Pierre de Fermat (1601-1665), considerado o maior matemático do século XVII, quem mais contribuiu para o conteúdo moderno do Cálculo, ele foi o verdadeiro descobridor da Geometria Analítica, tal feito também é atribuído ao matemático francês René Descartes (1596-1650); Fermat introduziu eixos perpendiculares, descobriu as equações gerais de retas, circunferências e as equações padrões de parábolas, elipses e hipérboles, posteriormente demonstrou que toda equação de primeiro e segundo graus pode ser transformada a uma dessas equações; antes de Newton e Leibniz terem nascido, Fermat determinou tangentes de curvas de modo geral e valores extremos de funções; Fermat também contribuiu para o Cálculo Integral, dentre os problemas resolvidos a História menciona o cálculo da área da região sob a curva de a e acima do eixo X, para todo inteiro positivo n, o matemático italiano Bonaventura Cavalieri (1598-1647) já tinha resolvido esse problema (através de métodos diferentes ao de Fermat) para os valores particulares de

  1   2   3


©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal