Família de joão quintino de oliveira



Baixar 122,24 Kb.
Página1/3
Encontro13.07.2018
Tamanho122,24 Kb.
  1   2   3


Capítulo V

FAMÍLIA DE JOÃO QUINTINO DE OLIVEIRA


Recebemos esta informação que deve-se tratar de um primeiro casamento, da esposa que morreu no parto. Em todo caso há divergência e a Filha Francisca é comum entre as duas informações:

Capitão-mór JOÃO QUINTINO DE OLIVEIRA – Batizado em Glaura – Ouro Preto 25.10.1767, morreu em Tamanduá – 1842 Filho primogênito de João da Silva Oliveira e de Joana Francisca de Paiva . Foi vereador em Ouro Preto 1798, nomeado Cpt-mór para Tamanduá em 1802. Casado com Roza Angelica Barboza (1765 Jacui-15.7.1806 no parto da filha Micia, em Tamanduá, aos 41 anos. Filhas: Francisca Angélica da Silva e Micia (esta batizada 21.7.1806 morreu em 26.3.1807).

José Joaquim da Silva e Oliveira não consta na informação acima por seu filho natural.

Este o texto de Hildebrando Pontes:

Capitão-Mor João Quintino de Oliveira, natural de Santo Antonio da Casa Branca de Ouro Preto, transferiu sua residência para a fazenda Cachoeirinha, de sua propriedade na antiga Vila de Tamanduá, hoje Itapecerica-MG, onde foi senhor de grandes latifúndios, gozando de ilimitada consideração como influencia benéfica que ali foi, pela sua aprimorada educação, fidalguia e grande fortuna.

Foi casado com Eulalia Quintina da Silva.

Teve, legítimos os dois primeiros filhos, e, filho natural foi o terceiro.

1-1 Eulalia Carolina da Silva

1-2 Francisca Carolina da Silva e Oliveira

1-3 José Joaquim da Silva e Oliveira

- § 1º -



    1. Eulalia Carolina da Silva, natural de Tamanduá, faleceu casada com o Capitão Carlos Ribeiro da Silva, rico proprietário residente na mesma localidade. Teve:

2-1 Balbina Candida de Castro, natural de Oliveira, foi casada com o Major Antonio Mendes dos Santos, filho de Tomás Mendes dos Santos natural de Santo Antonio do Amparo (Minas Gerais) – irmão de D. Ripolita Maria de Jesus, esposa do Capitão Marcel Rodrigues da Cunha Matos (Polvora). O Major Antonio Mendes dos Santos foi agricultor abastado e proprietário da Fazenda da “Água Emandada”, situada no distrito de Uberaba, onde faleceu viúvo, a 11 de janeiro de 1890. Teve:
3-1 Eulalia Candida de Castro, natural da mesma fazenda onde faleceu, esposa de segundas núpcias do Capitão Joaquim Martins Marquez, proprietário da Fazenda Pontal denominada Santa Gertrudes, município de Uberaba, filho dos finados Capitão José Martins Marquez e Violante Rosa do Nascimento e viúvo de Leonor Querubina de Jusus.

Teve:


4-1 Virgilio Martins Marquez, solteiro, residente no Veríssimo.

4-2 Fernando Marquez, solteiro, residente na Fazenda de Pontal, Santa Gertrudes. Tem filhos naturais.

4-3 Eulalia Candida de Castro Marquez, casada com o Major Eduardo Marquez, Teve:

5-1 Carlos Marques dos Santos, com 16 anos (em 1905)

5-2 Zulmira Candida de Castro, com 14 anos (em 1905)

5-3 Eduardo Marquez dos Santos, com 8 anos (em 1905)


4-4 Balbina Candida de Castro, casada com Angelino Garcia de Paiva, filho dos finados Joaquim Garcia de Souza Paiva e Rita de Paiva. Tem geração.
4-5 Maria Candida Marquez, nascida no Cassú, distrito de Uberaba, casada com Custódio José da Silva, filho de José Custódio da Silva. Teve um filho cujo nome ignoro e que reside em Campo Grande (MT)
4-6 Amélia Candida Marquez, nascida em Cassú, com 28 anos em 1905, casada com Eliezer José da Silva, filho de Agencio José da Silva e Antonia Furtado de Mendonça, reside no Campo Grande (MT).
4-7 Augusta Candida Marques, natural do Cassú, falecida aos 26 anos, em Uberaba, a 25 de agosto de 1903, casada a 2 de julho de 1892, filho de Francisco de Paula e Oliveira e Tereza Cristina de Jesus.

Teve, nascidos em Uberaba:

5-1 Tereza de Oliveira, nascida a 1-4-1893.

5-2 Georgelina de Oliveira, nascida a 26-3-1895.

5-3 Maria Augusta de Oliveira, nascida a 17-2-1898.
4-8 Violante Marquez, nascida no Cassú, casada com João Inocencio, residente na Fazenda do Pontal (Santa Gertudes), onde tem a geração.
4-9 Francisca Candida Marquez, faleceu casada
3-2 Maria Constância de Castro,casada em primeiras núpcias com Joaquim Martins Marquez Junior, nascido em Uberaba a 8-7-1867 e em segundas núpcias faleceu casada com João Batista Vasconcelos. Não teve geração.
3-3 Tomaz Mendes dos Santos, casado, residente em Água Emendada onde tem geração
3-4 Tenente Coronel Elieser Mendes dos Santos (Zeca Mendes), nascido em 13 de junho de 1841, abastado capitalista e criador proprietário da Fazenda Formiga (Vale do Rio Tijuco), distrito da Cidade de Uberaba, onde residiu e faleceu em 31 de julho de 1930, casado com Augusta Candida de Castro, filha dos finados Manoel Rodrigues da Cunha Polvora e Joana Candida de Castro. Geração:

4-1 Amélia Candida de Castro, natural da mesma fazenda, casada com o Capitão Ronan Martins Marques, filho do Capitão Elias Martins Marques, faleceu em 13 de abril de 1879 em Uberaba e de Francisca Candida de Castro, reside na Fazenda do Tijuco, distrito de Uberaba, onde tem a geração.

5-1 Luiz Augusto Marques, nascido em 17 de agosto de 1949.

4-2 Major Segismundo Mendes dos Santos, nascido em 18 de maio de 1982, casado em 21/10/1911 com Maria Antonieta de Miranda, falecida a 15/6/1930, filha do Major Ovidio Irineu de Miranda Filho, (Ovidinho), e de D. Antonia Guilhermina de Miranda Reis; foi às Índias em busca de gado zebu da qual foi em Uberaba um dos fortes criadores, faleceu em 30 de outubro de 1918, não deixando geração.


4-3 Augusta Candida de Castro Marquez, casada com Coriolando Martins Marques, falecido em 2 de março de 1911, filho de Elias Martins Marques e de D. Francisca Candida de Castro (vide acima 4-1); D. Augusta Candida de Castro Marquez, faleceu 3 meses após a morte de seu esposo e deixou a seguinte geração:

5-1 Niza Marques, nascida em 1899, casada com Luiz Guaritá, negociante em Uberaba, filho de Ataliba Guaritá e de D. Francisca R. Cunha Castro, Teve um filho:

6-1 Ataliba Guaritá Netto (Netinho), casado com Cornélia Aguiar Borges natural de Araxá, filha de Joaquim Martins Borges e de Dulce Aguiar Borges; Teve:

7-1 Lucia Helena, nascida em 1948, digo Lucia Helena

7-2 Luis Guaritá Netto que foi prefeito municipal de Uberaba-MG de 1993 a 1997.

5-1 Walter Marquez, nascido em 1903, (20/8), casado com a normalista Leonor Guaritá Santos, filha de Elidio Salatiel Santos e D. Isoleta Guaritá Santos, com seguintes filhos:

6-1 Walter Guaritá Marques, nascido a 7/5/1938

6-2 Vera Maria Guaritá Marquez, nascida em 1940

6-3 Wander Guaritá Marquez, nascida em 9-12-1943

6-4 Wania Maria Guaritá Marquez, nascida em 1945

6-5 Carlos Wagner, nascido em 1947
5-3 Zilda Marquez, falecida em criança, 3 anos de idade.

5-4 Wagner de Castro Marquez, nascido em 13/6/1909, advogado, casado com Edsenina R. Cunha, filha de Candido R. Cunha e D. Maria de Freitas Cunha. Teve os seguintes filhos:

6-1 Wilma, nascida em 1936

6-2 Wanda........................

6-3 Leila, nascida em 1940.

6-4 Ricardo Wagner, nascido em 194.....


4-4 Elieser Mendes Junior, nascido em 15/5/1886, casado com D. Maria Castro Mendes, em 20/2/1909, filha de José Borges Araujo e Messias Candida de Castro, ele filho de Antonio Pacheco Borges e de Querubina Pacheco Borges de Araujo, ela filha de Elias Martins Marquez e Francisca Candida de Castro, tem os seguintes filhos:

5-1 Iraci Mendes, nascida em Formiga, (Fazenda) em 18-4-1910, solteira.

5-2 Mozart Mendes, nascido em 24-3-1911, falecido em 20/10/1922.

5-3 Arnaldo Mendes, nascido na Fazenda Formiga em 11-4-1912, falecido no colégio em Jaboticabal em 1-5-1929.

5-4 Olavo Mendes, nascido na Fazenda Serra, em Uberaba, em 5-3-1913, formando em Medicina, pela Faculdade Fluminense de Medicina, em 1937, clínico 12 anos em Buriti Alegre, onde fundou e construiu a Santa Casa local, transferindo para Uberaba, casou-se com Célia Borges Mendes, filha de Caricio Borges e D. Leomalia Afonso Borges, ele filho de João Borges Sobrinho e D. Candida Fidelis Borges (de Sacramento), ela filha de Manoel Afonso Borges e D. Maria Antonia de Almeida Borges, teve os seguintes filhos:

6-1 José Olavo Borges Mendes, nascido em Conquista em 6/8/1943.

6-2 Maria Célia Borges Mendes, nascida em Conquista em 20/9/1945

6-3 Eliza Helena Borges, nascida em Conquista em 4/8/1947

6-4 Sandra Patricia, nascida em Buriti Alegre, em 24/4/1951
5-5 Wilson Mendes, nascido em 7/3/1915 em Berch-Plage, Bolonhe sur, mer, na França, vindo para o Brasil com 8 meses, casou-se em 8/9/40 com sua prima Julieta Marquez Mendes, (vide acima 5-9), falecido em 12/8/1951, tendo 1 filho deste casamento.

6-1 Luiz Augusto Marquez Mendes, nascido em Uberaba, em 14/8/49


4-5 orlando Mendes Santos nascido em 1988, casado na Fazenda Palestina, Tijuco, em primeiras núpcias em 1/6/1912 com Francisca de Castro Borges, filha de José Borges de Araujo e D. Messias Candida Castro Marquez. Teve a seguinte geração:

5-1 Orlando Mendes dos Santos Junior, nascido na Fazenda Formiga em 27/3/1913, casado com a Sra. Dalva R. da Cunha em 18/5/1938, ela filha de José Carlos R. Cunha e D. Albertina Horbillon Cunha, tem uma filha:

6-1 Sara Maria Rodrigues Mendes, nascida em Uberaba em 26/11/1939.

5-2 Guiomar Mendes Santos Bernardes, nascida na Fazenda Inhumas, município de Uberaba em 29 de maio de 1915, normalista, casada com José de Mello Bernardes, farmacêutico, filho de Amancio Mello Bernardes e Guiomar Bernardes, tendo os seguintes filhos:

6-1 José Orlando Mendes Bernardes, nascido em Uberaba em 11-9-41.

6-2 Rachel Mendes Bernardes, nascida em Uberaba em 28-7-43.

6-3 Beatriz Mendes Bernardes, nascida em Uberaba em 16-6-47.

6-4 Sergio Mendes Bernardes, nascido em 1949 (7/7)

*** Orlando dos Santos Mendes tendo enviuvado em 4-9-1935, casou-se, em segundas núpcias, com Clarita Rezende, filha de Cassimiro Resende e D. Claricinda Afonso Rezende. Não teve geração falecendo em março de 1943.
4-6 Carmelita Mendes Cunha, nascida em 24-9-1918, casada com Dr. João Severiano R. da Cunha, (Joanico), farmacêutico, industrial, jornalista, político, fazendeiro, prefeito de Uberlândia, presidente da Sociedade Rural do Triângulo Mineiro, Presidente fundador da Cooperativa Rural, vereador em Uberaba, filho de Severino R. da Cunha e Alexandrina Castro Cunha, seus filhos são:

5-1 Milton, falecido em pequeno.

5-2 Yvone R. Cunha Mendes, nascida em Uberlândia em 12-5-1912, solteira.

5-3 Yvel Mendes R. Cunha Dias, nascida em Uberlândia em 30/5/1914, casada com José Dias Teixeira, filho de Waldemar Dias e Armanda Teixeira, com dois filhos:

6-1 Renato Mendes Cunha Dias, nascido em Uberaba em 21/9/47.

6-2 Ronaldo Mendes Cunha Dias, nascido em 21/3/49.


5-4 Geraldo, falecido em pequeno.

5-5 Clauston, falecido em pequeno.

5-6 Yolanda, falecida em pequena

5-7 Renato Rodrigues da Cunha Mendes, nascido em 19/5/1921, falecido em Uberaba, solteiro, em 1/9/1940.


4-7 Maria Antonieta Mendes, (Tita), nascida em 11/12/1894, casada com seu primo Lindolfo Mendes Santos Junior (em primeiras núpcias), filho de Lindolfo Mendes Santos (irmão de Zéca Mendes) e de D. Iaia Vilela, tendo falecido em 11-8-1930, deixando os seguintes filhos:

5-1 Zilah Mendes Ferreira, nascida em 13/4/1918, casada com Paulo Cezar Ferreira em 11-1-41, filho de Artur Ferreira Tuca e Maria Magdalena Ferreira, tendo os seguintes filhos:

6-1 Paulo Renato Mendes Ferreira, nascido em 30/10/41.

6-2 Luiz Edmundo Mendes Ferreira, nascido em 27/1/43.

6-3 José Luciano Mendes Ferreira, nascido em 6/3/45.

6-4 José Eduardo Mendes Ferreira, nascido em 8/6/52.

6-5 …........................................... nascido em / / .
5-2 Aloisio Mendes dos Santos, nascido em 30/10/1919, solteiro.

5-3 Zilda, falecida em pequena.

*** Maria Antonieta Mendes, tendo perdido o marido em 11/8/1930, casou-se, em segundas núpcias, com Alvaro de Moura, não tendo geração.

4-8 Demervil Mendes dos Santos, nascido em 17/10/1894, casado com Eunice Soares, (Nissoca), em 23/5/1928, filha de Francisco Soares da Costa e D. Godofreda Soares da Costa, digo Castro Costa, tendo seguintes filhos:

5-1 Milton Mendes dos Santos, nascido em 28-9-1929.

5-2 Ricardo Antonio Mendes dos Santos, nascido em 4-9-1938.


4-9 Marieta Mendes Rodrigues da Cunha, nascida em 19-8-1898, casada com seu primo Guiomar Rodrigues da Cunha, filho de Teophilo R. da Cunha e D. Gabriela Castro Cunha, tendo os seguintes filhos:

5-1 Norma Mendes R. da Cunha, casada com Hildo Toti, filho de Gabriel Toti e Rosa Bilharinho Toti, sem geração.

5-2 Wanda Mendes R. Cunha, falecida aos 3 anos.

5-3 Omar Mendes R. da Cunha, nascido em 1930.

5-4 Mauricio Mendes Rodrigues da Cunha, nascido em 24/4/1934.

5-5 Fernando, falecido em pequeno.

5-6 Martha Mendes Rodrigues da Cunha, nascida em 10/10/1940
4-10 Euclides Mendes (Quidinha), nascida em 22/9/1900, casada em 15/11/1920, com Luiz de Oliveira Valle (Vide Cap._________________. Teve os seguintes filhos:

5-1 Maria Luiza Mendes Valle, nascida em 28/10/1921, casada com Walter Oliva Fonseca, não tendo geração.

5-2 Leda Mendes Valle Terra, nascida em 11/3/1923, casada no dia 19/10/1948 com Aloisio Terra, filho do Dr. Carlos Terra e D. Mariana Carvalho Terra, tendo geração.
4-11 Manoel Mendes dos Santos, nascido em 8-7-1901, casado em 25-5-29, com Maria Paula Luzes, filha de Manoel Paula Luzes e Maria Santos Luzes, tendo os seguintes filhos:

5-1 Maria Augusta Mendes, nascida em 20-2-1930, casada com o Dr. Marcelo Pirfo, médico, filho do italiano médico, Dr. Hervezio Pirfo, e D. Rosa Paquale Pirfo, tendo a seguinte geração:

6-1 Rosa Maria Mendes Pirfo, nascida em 3-11-1951.

6-2 Hervecio Mendes Pirfo, nascido a 16-5-1953.


5-2 Reynaldo Mendes dos Santos, nascido em 28-3-1931, solteiro, Fazendeiro.

5-3 Oneida Mendes dos Santos, nascida em 27-8-1932.

5-4 Arnaldo Mendes dos Santos, nascido em 16-11-1933.

5-5 Maria Helena Mendes dos Santos, nascida em 5-3-1935.


3-5 Tenente Coronel Lindolfo Mendes de Santos, nascido em Uberaba, na Fazenda Água Emendada, residindo, abastado criador e industrial, viúvo de Maria Villela Marquez (Nhánhá), nascida em 1860, filha legítima do Major José Villela de Andrade (1) e Maria Cherubina de Jesus (Vide Tit. Marquez Cap. II § 1º 1-1, 2-2 e 3-2) Teve:

4-1 Major Adolfo Mendes, casado a 27 de julho de 1911, em 11.............

4-5 Lindolfo Mendes dos Santos Junior

4-6 Elvira

4-7 Ambrosina

4-8 Isoleta

4-9 Zulmira

4-10 Nair

4-11 Antonio

4-12 Gabriel

4-13 Outro cujo nome ignoro (falecido em pequeno)
3-6 Amélia Candida de Castro, nascida na fazenda da Água Emendada, em março de 1858, casada a 10 de janeiro de 1878, com o Coronel Manoel Borges de Araujo, nascido a 17 de dezembro de 1852, na Fazenda Ponte de Pedra, município de Araxá, filho do Capitão Antonio Borges Pacheco, nascido em 1801 em Bom Sucesso e falecido no Araxá a 14 de novembro de 1864, e Cherunina de São José, natural da mesma cidade e falecida em Uberaba, a 11 de outubro de 1888.
O Coronel Manoel Borges de Araujo é agricultor e criador abastado na Fazenda do Tijuco, Uberaba, chefe político do considerável prestígio, tem sido ocupador de diversas funções e cargos de confiança do Governo, como os de Delegado de Polícia e Juiz Municipal que não aceitou e de eleição popular, como vereador à Câmara Municipal da mesma cidade. Foi em 1918 o mais eminente chefe do Partido “Concentração Municipal” de Uberaba.

Sobre a individualidade do Coronel Manoel Borges de Araujo a “Cidade de São Paulo”, semanário dirigido pelo Sr. Capitão Antonio de Andrade ,edição nº 55, de 24 de agosto de 1907, estampando o seu retrato na primeira página assim se pronunciou: “Coronel Manoel Borges de Araujo – prestigioso e digno político de Uberaba (Minas Gerais) a sua influência estende-se a todo o Triângulo Mineiro, onde o seu nome é acatadíssimo como o de um cidadão benfazejo. Todos que mantêm relações de qualquer espécie com S. S., não unanimes em reconhecer-lhe as perenes qualidades.

É, o Sr. Coronel Manoel Borges de Araujo, abastado fazendeiro, capitalista e verdadeiro propagandista da indústria pastoril, na sua zona em que reside e como tal admirado pelos seus colegas, um exemplar amigo e dedicado ao engrandecimento de sua terra, não medindo sacrifícios em prol de bem estar de seus patrícios.

“Pertence a uma das mais distintas e numerosas famílias de Uberaba”.

Eis, em poucas palavras, o que é o Sr. Coronel Manoel Borges de Araujo. A quem a “Cidade de São Paulo” homenageia, sincera e satisfeita.

Teve, nascidos na mesma fazenda:

4-1 Capitão Aristides Borges de Araujo, nascido a 6 de outubro de 1879, falecido a 20/11/1918, casado com sua prima Querubina Fontoura Borges, filha do Major Antonio Fontoura Borges, falecido em Uberaba em Dezembro de 1912 e Maria das Neves Fontoura Borges.

Teve:


5-1 Mário, falecido em S. Paulo em 1937.

5-2 Gastão, casado

5-3 Amélia

5-4 Carmen

5-5 Elza
4-2 Capitão Augusto de Araujo Borges, nascido a 21 de junho de 1881, casado com sua prima Amélia Teixeira Borges, falecida em Uberaba em 1917, filha do Coronel João Quintino Teixeira (Vide os imediatos do §1º 1-1, 2-2, 3-6 e 4-5) e Elisena Candida de Castro. Teve:

5-1 Amélia

5-2 Augusta

5-3 Alda (gêmea com a seguinte)

5-4 Olga, falecida aos 17 anos

5-5 Maria de Lourdes


4-3 Capitão Adelino Borges de Araujo, nascido a 17 de fevereiro de 1883, faleceu solteiro.

4-4 Maria Augusta Borges, nascida a 14 de janeiro de 1885, casada com seu primo Capitão Zacarias Machado Borges, filho de João Machado Ferreira e Maria de Sant'Ana Borges. Geração em 1909.

5-1 Diva e outros. (Antonieta, Zilda, joão Gualberto e Durval).
4-5 Capitão Artur Borges de Araujo, nascido a 23 de setembro de 1887, faleceu casado, com geração.

4-6 Querubina Borges de Araujo, nascida a 24 de dezembro de 1889, faleceu solteira.

4-7 Auristela Borges de Araujo, nascido a 1º de novembro de 1890, faleceu casada com o seu primo Capitão Agenor Fontoura Borges, abastado criador de Conquista, filho do major Antonio Fontoura Ribeiro e Maria das Neves Fontoura Borges. Tem Geração.

4-8 Amélia Borges de Araujo, nascida a 5 de julho de 1897, viúva de Ricardo Fonseca, com geração.

3-7 Ernesto Mendes dos Santos, falecido aos 12 anos.

3-8 Carlos Mendes dos Santos, natural da Fazenda Água Emendada, onde é lavrador, casado com Carolina da Silva, filha de Inácio da Silva Ribeiro, geração em 1905:

4-1 Maria Carolina de Jesus, foi casada com José Amado, tendo filhos:

4-2 Lamartine Mendes dos Santos, casado com Herminia Batista.

4-3 Rivadavia Mendes dos Santos, faleceu casado – tem geração

4-4 Adelaide

4-5 Juvenal

4-6 Antonio

4-7 Outros, cujo nome ignoro
2-2 Carolina Eulalia de Oliveira, casada com o seu primo o Comendador João Quintino Teixeira, nascido em Tamanduá, em 15 de abril de 1817, falecido em Uberaba em 1865, filho legítimo do Sargento Mór Joaquim Teixeira Alves (português) e Francisca da Silva e Oliveira (Vide imediatos §2º 1-2 e 2-3) Teve:

3-1 Eulalia Carolina Ribeiro, casado com o Major Teodoro Ribeiro de Oliveira. Teve que pude saber, os seguintes filhos cuja ordem cronológica ignoro:

4-1 Coronel Evaristo Ribeiro da Silva e Oliveira, casado.

4-2 Doutor Ronan Ribeiro da Silva, casado, residente em Itapecerica-MG.

4-3 Maria Nezinha, casada com o Dr. Alfredo Paraíso, em Oliveira.

4-4 Francisca Ribeiro, casada com o Coronel Adolfo Ribeiro da Silva, falecido em 1918.

4-5 Acacio Ribeiro de Oliveira e Silva, residente em Oliveira

4-6 João Quintino de Oliveira, casado com Carmolita..............

4-7 Dr. Teodoro Ribeiro de Oliveira Junior
3-2 Francisca Angelica Teixeira Junqueira (Dona Chiquinha) nascida a 5 de fevereiro de 1842, casada com o Coronel João Francisco Diniz Junqueira, abastado agricultor e criador do município de Uberaba, falecido em 1884, na cidade de Ribeirão Preto. D. Chiquinha Junqueira faleceu em Uberaba em 1905. Sobre o seu passamento assim se prenunciou o hebdomadário “Correio Católico” da mesma cidade, na sua edição nº 484, de domingo, 17 de setembro de 1905:

D. Francisca Junqueira, vítima de uma síncope cardíaca, finou-se repentinamente às 11 e ½ horas da noite de 10 do corrente, a Ex. Sra. D. Francisca Angelica Teixeira Junqueira, materna veneranda e venerada não tendo pelos anos que ainda não eram muitos, nem pela distinta família a qual pertencia, quanto pelas suas virtudes e pelos seus dotes de coração.

“Na quinta-feira precedente, em a fazenda de seu filho Sr. Gabriel Junqueira, fora ouvida de confissão por um padre Dominicano depois de escapar de um terceiro ataque, mais forte que os dois primeiros, sucedidos dois meses antes.

“O enterro da ilustre extinta efetuou-se solenemente na tarde de segunda-feira com grande acompanhamento.

“D. Francisca contava 64 anos de idade.

“Muito conheceu e estimou o inolvidável Frei Eugenio de Genova o insigne benfeitor e Fundador da Santa Casa de Uberaba.

“Como íntima satisfação recordava muitas vezes aqueles dias em que as senhoras uberabenses que usavam luvas de pelica não se dignavam de carregar elas próprias pedras e outros materiais para edificação da Santa Casa de Misericórdia.

“Amicíssima da ordem de São Domingos foi sempre D. Francisca. Lembramos apenas o fato de mandar trazer em sua ambulância, desde a estação de Ribeirão Preto até Uberaba, as primeiras irmãs Dominicanas que pare aqui vieram no ano de 1885.

“Essa ambulância de família havia servido na guerra do Paraguai para transporte dos feridos.

“Si a sociedade Uberabense em peso muito sentiu a morte de tão nobre senhora, mais ainda os padres Dominicanos e as irmãs da ordem Terceira”. Teve os seguintes filhos:

4-1 Tenente Coronel Francisco Astolfo Diniz Junqueira (Coronel Chiquinho Junqueira), agricultor e criador no município de Uberaba, casado com Marcolina Junqueira. Sem geração.

4-2 Tenente Coronel João Francisco Junqueira, nascido a 30 de novembro de 1860, casado com Francisca Ambrosina de Castro Junqueira, nascida a 10 de dezembro de 1868, filha de José Ribeiro da Silveira e Silva, e D. Ambrosina Candida de Castro. Geração e 1910:

5-1 Otavio, nascido em 4 de novembro de 1886, falecido em 19 de dezembro seguinte.

5-2 Nelson Ribeiro Junqueira, nascido a 15 de dezembro de 1887, e falecido a 26 de setembro de 1908.

5-3 Cristina Ribeiro Junqueira, nascida a 13 de fevereiro de 1890.

5-4 Maria, nascida a 17 de dezembro de 1891 e falecida no dia 25 do mesmo mês.

5-5 Sebastião, nasceu a 20 de novembro de 1892 e neste mesmo ano faleceu.

5-6 Elvira, nascida a 31 de dezembro de 1893.

5-7 Hercilia, nascida a 28 de abril de 1895.

5-8 Waldemar, nascido a 10 de julho de 1897.

5-9 José, nasceu a 21 de agosto de 1898.

5-10 Julio, nasceu a 28 de dezembro de 1899, solteiro.

5-11 Mário, nasceu a 9 de junho de 1901, casado.

5-12 Mozart, nasceu a 26 de julho de 1902.

5-13 Oswaldo, nasceu a 25 de setembro de 1903

5-14 Ambrosina, nasceu a 15 de novembro de 1904, casada.

5-15 Mário, nasceu a 17 de maio de 1907 e faleceu a 1º de setembro do ano seguinte.

5-16 Diva, nasceu a 10-3-1910, casada


4-3 Genoveva Junqueira, casada com o abastado criador e agricultor paulista Coronel Francisco Diniz Junqueira. Geração em 1905:

5-1 João


5-2 Acacia, casado com sua prima Elvira, já falecidos sem geração

5-3 Sebastião

5-4 Francisco

5-5 Eduardo

5-6 Judith



  1   2   3


©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal