Faculdade são josé



Baixar 148,59 Kb.
Encontro21.07.2017
Tamanho148,59 Kb.




- FMSJC -

CONCURSO VESTIBULAR – FMSJC – 2012.1

EDITAL Nº 12/2012

A Faculdade Maranhense São José dos Cocais - FMSJC, através de sua Comissão de Vestibular – CV, com base nas Portarias nos 1.637, 1638 de 13/05/2005 (DOU 16/05/2005), e Portaria n. 845 (DOU 05/04/2006) do Ministério da Educação – MEC, no seu Regimento Interno e nas disposições da legislação em vigor, torna público, para conhecimento dos interessados, o presente EDITAL, contendo as normas, rotinas e procedimentos referentes à realização do Concurso Vestibular - FMSJC – 2013.1, para preenchimento das vagas oferecidas nos Cursos de Bacharelado em Ciências Contábeis, Administração e Direito, conforme discriminação abaixo:



  1. VAGAS

Curso

Turno

Número de vagas

Ciências Contábeis (Bacharelado)

noturno

50

Administração (Bacharelado)

noturno

50

Direito (Bacharelado)

noturno

50

Total de Vagas

150

O resultado do Concurso Vestibular de que trata este Edital é válido apenas para ingresso no primeiro período letivo de 2013, nos turno e limites de vagas especificados, desde que preenchidos 80% (oitenta por cento) das mesmas, por curso.

  1. INSCRIÇÕES

As inscrições para o Vestibular FMSJC Tradicional dar-se-ão entre os dias 15/09 a 10/11/2012. Elas serão realizadas na Faculdade Maranhense São José dos Cocais, na Rua 01, nº 290, Loteamento Boa Vista, Timon – MA, no horário de 14:00 às 21:50h e pela Internet, no endereço www.sjc.edu.br , até o dia 10/11/2012. Elas serão efetivadas com a impressão e recebimento do cartão de identificação. . Para solicitar inscrição, o candidato deverá preencher a ficha de inscrição e pagar a taxa de RS$30.00(trinta reais).

O simples pagamento da taxa não ensejará à Instituição a obrigatoriedade da inscrição do candidato, se não forem atendidos os demais requisitos de documentação, nos prazos e locais exigidos e fixados.

Em hipótese alguma, haverá devolução de valores recolhidos, referentes a quaisquer pagamentos relativos a este Concurso.

A inscrição será efetivada com o recebimento do cartão de identificação, que será entregue nos dias 08,09 a 10/11/2012.

Para o fornecimento de 2ª via do Cartão de Identificação, serão exigidos, no ato do seu requerimento, pagamento de taxa adicional no valor de R$ 25,00 (vinte e cinco reais) e uma foto 3x4.


  1. PROVA

Ao receber o Cartão de Identificação, o candidato deverá observar o endereço do local onde fará a prova, conferir seus dados e informações e, se necessário, solicitar correção.

Somente terá acesso à prova o candidato que apresentar o ORIGINAL DO DOCUMENTO DE IDENTIDADE com o qual fez a inscrição e o CARTÃO DE IDENTIFICAÇÃO fornecido pela CV.



O Concurso Vestibular Tradicional FMSJC2013.1 será aplicado conforme o quadro abaixo:


CURSO

DATA

PROVA

HORÁRIO

Bacharelado em Ciências Contábeis

11/11/2012

Português, Redação, Inglês, Geografia e História.

08 às 12 horas

Bacharelado em Administração

11/11/2012

Português, Redação, Inglês, Geografia e História.

08 às 12 horas

Bacharelado em Direito

11/11/2012

Português, Redação, Inglês, Geografia e História.

08 às 12 horas

As provas serão elaboradas tomando como referencia os conteúdos programáticos das disciplinas do Ensino Médio e serão aplicadas em uma única etapa, e, em hipótese alguma, haverá revisão de prova.

As vagas remanescentes, decorrentes de desistências, impedimentos de matrícula ou as não preenchidas no curso constante deste Edital, poderão ser preenchidas mediante chamadas complementares dos candidatos aprovados e não classificados (classificáveis) neste Concurso. Sobrando ainda vagas, a Faculdade Maranhense São José dos Cocais realizará um novo Concurso Vestibular no prazo máximo de trinta dias, ou abrir matrículas a graduados e/ou transferidos de outras Instituições de Ensino Superior, até o seu total preenchimento, na forma da legislação vigente e do seu Regimento Interno.

Fica instituído o Vestibular Agendado Permanente cujas provas serão realizadas conforme escolha do Candidato,cujo resultado será publicado 72h após a realização das respectivas provas,data em que se inicia a matricula dos aprovados para primeiro semestre letivo subseqüente, orientado por tabela publicada no mural da FMSJC e na pagina publica da IES: www.sjc.edu.br.

O Concurso Vestibular FMSJC – 2013.1 será realizado em uma única etapa. A prova terá nível de escolaridade compatível com o fixado pelo Ministério da Educação, para as escolas de Ensino Médio do País, e será aplicada somente no local indicado no Cartão de Identificação, excluídas quaisquer possibilidades de atendimento de candidatos fora dos locais e horário estabelecido.

A prova constará de questões objetivas de múltipla escolha, com cinco alternativas de resposta, dentre as quais apenas uma será correta.

A prova terá Redação valendo 10 pontos, 30 questões de Português, 10 de Geografia, 10 de História e 10 de Inglês, totalizando 70 pontos.

É recomendável que o candidato se apresente no local das provas com antecedência mínima de trinta minutos. A ausência ou obtenção de nota zero em qualquer das disciplinas, implicará na eliminação automática do candidato no Concurso. O controle do comparecimento do candidato à prova será feito através de aposição de sua assinatura em documento próprio.

Para as respostas às questões objetivas, será fornecido cartão de respostas personalizado, onde o candidato fará as marcações necessárias, sem rasuras, preenchendo completamente o círculo correspondente à alternativa que achar correta, usando caneta esferográfica, tinta azul ou preta, escrita grossa. Para fins de correção e processamento, somente serão considerados esses documentos, não tendo nenhum valor qualquer resposta, marcação, ou escrita feita na prova ou em seu rascunho.

Durante a prova, é proibida a comunicação entre candidatos, bem como intercâmbio de material de qualquer natureza e a utilização de aparelhos de comunicação, de cálculo e/ou registro de dados. Esgotado o tempo, o candidato deverá devolver ao fiscal todo o material de exame que tiver recebido.

Serão admitidos recursos, quanto à FORMULAÇÃO DAS QUESTÕES e/ou quanto ao GABARITO OFICIAL da prova, desde que devidamente fundamentos e enviados, no máximo, 24 (vinte e quatro) horas, após a divulgação do respectivo gabarito pela Faculdade. O requerimento deverá ser protocolado junto À Faculdade Maranhense São José dos Cocais, no horário de 14 às 21 horas.

Em virtude da natureza do Concurso Vestibular, em hipótese alguma, haverá revisão de prova.

Os resultados finais da prova serão apurados por processamento eletrônico, garantindo-se absoluta imparcialidade na apuração dos resultados.


4. CLASSIFICAÇÃO

Para efeito de classificação, o escore bruto alcançados pelo candidato, em cada disciplina, serão transformados em escores padronizados, através da função:


EB - X

EP = x 100 + 500

S
Onde: EP – escore padronizado do candidato na disciplina

EB – escore bruto (número de pontos na disciplina)

X – média aritmética dos escores brutos de todos os candidatos na disciplina

S – desvio padrão dos escores brutos de todos os candidatos na disciplina

100 – constante redutora de casa decimal

500 – constante positivadora
O escore final do candidato será o somatório dos Escores Padronizados de cada disciplina. Serão classificados os candidatos que obtiverem os maiores escores finais, respeitando o limite de vagas do curso de opção.

Em caso de não serem totalmente preenchidas, em primeira opção, as vagas de curso, as remanescentes serão ocupadas pelos candidatos que tiverem manifestado 2ª opção pelo referido curso. Ao concorrer a uma vaga em 2ª opção, o candidato será classificado dentro do critério de maior escore padronizado obtido no concurso vestibular.

Os casos de empate, na classificação final, em cada curso, serão resolvidos obedecendo-se aos seguintes critérios:

1º) maior escore padronizado em Português; e

2º) candidato mais idoso.

A relação dos candidatos classificados, até o limite de vagas, será emitida em ordem de classificação, constando o total de escores padronizados.

5. RESULTADO E MATRÍCULA

A divulgação da relação dos candidatos classificados no vestibular, para fins de matrícula e conhecimento dos interessados, será feita através de afixação no Quadro de Avisos da Faculdade São José, até o dia 14 de novembro de 2012, às 20h . O resultado do vestibular agendado será divulgado 72h após a realização da prova.

Para os classificados no Vestibular Tradicional 2013.1, as solicitações de matrícula institucional deverão ser efetuadas no período de 15 a 30 de novembro de 2012, junto a Secretaria Acadêmica da Faculdade, na Rua nº 290, Loteamento Boa Vista, Timon – MA, nos horários das 14:00 as 21:50h.

As aulas da FMSJC terão inicio no dia 04.02.2013.

Para os classificados no Vestibular Agendado 2013.1 as matriculas institucionais serão realizadas imediatamente após a publicação do resultado, cujas aulas terão inicio no segundo semestre letivo subseqüente.

O candidato classificado, ou seu procurador legal, deve:



  • apresentar toda a documentação relacionada no item 6 deste edital;

  • proceder à leitura e assinatura do Contrato de Prestação de Serviços Educacionais;

- apresentar o comprovante de pagamento da 1ª parcela da semestralidade escolar;

  • o candidato menor de 18 anos e/ou dependente de seus pais ou responsáveis deverá fazer-se acompanhar de um deles para assinatura solidária do Contrato de Prestação de Serviços Educacionais, no ato de efetivação da matrícula.

Implicará na perda automática da vaga:

  • o não comparecimento do candidato ou de seu representante legal para efetivação da matrícula nos dias e horários estabelecidos;

  • a apresentação incompleta dos documentos exigidos;

  • a não comprovação do pagamento das taxas devidas.

6. DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA MATRÍCULA

  1. cópia do Certificado de Conclusão do Ensino Médio ou equivalente, autenticado pela Secretaria de Educação;

  2. cópia do Histórico Escolar, autenticado pela Secretaria de Educação;

  3. cópia da Cédula de Identidade ou documento similar que tenha fé pública;

  4. cópia do Título de eleitor, se maior de 18 anos;

  5. cópia do Certificado de Reservista, quando homem com mais de 18 anos de idade;

  6. comprovante de renda do candidato, pai ou responsável – original ou fotocópia;

  7. comprovante de residência, original ou fotocópia;

  8. cópia do CNPF (Cadastro Nacional de Pessoa Física no Ministério da Fazenda), antigo CPF, do candidato ou do seu representante legal;

  9. 02 fotos 3x4 recentes;

  10. contrato de Prestação de Serviços Educacionais, preenchido e assinado pelo candidato maior de idade ou seu representante legal; e

  11. comprovante de pagamento da 1ª parcela da semestralidade escolar.

Além dessa documentação, o candidato deverá apresentar 02 (duas) fotografias 3x4, de frente, recentes e iguais.

ATENÇÃO: As fotocópias do Certificado de Conclusão do Ensino Médio ou equivalente e do Histórico Escolar deverão ser autenticadas em Cartório.

7. CHAMADAS COMPLEMENTARES

As vagas remanescentes, decorrentes de desistências, impedimentos de matrícula ou as não preenchidas no curso constante deste Edital, poderão ser preenchidas mediante chamadas complementares dos candidatos aprovados e não classificados (classificáveis) neste Concurso, prevalecendo o total de pontos em ordem decrescente. Sobrando ainda vagas, a Faculdade Maranhense São José dos Cocais poderá realizar um novo Concurso Vestibular, no prazo máximo de trinta dias, ou abrir matrículas a graduados e/ou transferidos de outras instituições de ensino superior, até o seu total preenchimento, na forma da legislação vigente e do seu Regimento Interno.

8. DISPOSIÇÕES FINAIS

Será impedido de realizar as provas deste Concurso, o candidato que:


  1. chegar atrasado ao local de realização das provas;

  2. durante a aplicação das provas, tentar qualquer espécie de comunicação;

  3. efetuar ou receber empréstimo de material de outros candidatos ou terceiros;

  4. tentar fazer uso de meios ilícitos; e

  5. praticar atos contra a moral, as normas, a disciplina, ou que seja excluído por deliberação da CV, com fundamento em motivos de ordem legal.

A comprovação de prática de qualquer tipo de fraude, bem como a inobservância e o não cumprimento do disposto neste Edital, por parte de candidato, tornam nulas, de pleno direito, tanto a classificação quanto a matrícula.

A inscrição do candidato ao Concurso Vestibular – FMSJC – 2013.1, da Faculdade Maranhense São José dos Cocais - FMSJC, implica na aceitação expressa das condições constantes deste Edital e das normas e instruções que forem baixadas pela Comissão de Vestibular – CV.

Os casos omissos serão resolvidos pela COMISSÃO DE VESTIBULAR – CV/FMSJC.

Timon (MA), 10 de setembro de 2012.

Flávia Helena D. Avelino Ulisses

Presidente da Comissão de Vestibular – CV/FMSJC


VISTO:
HERBERT BRANDÃO LAGO

Diretor Geral - FMSJC

PROGRAMAS


PORTUGUÊS

1. OBJETIVOS

A prova de Língua Portuguesa deverá avaliar:

1.1. O conhecimento gramatical do vestibulando que revele o domínio das estruturas básicas da Língua Portuguesa e a compreensão do sentido social e estilístico da variação lingüística, em situações concretas de linguagem.

1.2. O desempenho do candidato em termos de leitura e redação, principalmente no que se refere à compreensão, transformação, julgamento de textos literários e não literários e elaboração de textos coerentes.

1.3. A habilidade no uso da norma padrão.

2. REDAÇÃO

2.1. O tema será proposto a partir de subsídios oferecidos em texto-estímulo.

2.2. O texto a ser redigido será predominantemente dissertativo, levando-se também em consideração os aspectos descritivos e narrativos.

3. CONTEÚDO

3.1. Linguagem: a) parágrafo como unidade da composição; b) coesão e coerência textuais; c) argumentação; d) variação lingüística: relação entre linguagem oral e escrita; relação entre formas padrão e não padrão.

3.2. Morfossintaxe: a) classes de palavras: reconhecimento, emprego, função, transformação de palavras de uma classe para outra; b) estrutura de palavras, decomposição e classificação das unidades; c) processo de formação de palavras; d) flexão nominal e verbal; concordância nominal e verbal; emprego dos tempos, modos e aspectos verbais; e) período e oração: identificação, classificação incluindo os termos da oração, caracterização e inter-relação; f) sintaxe de regência e colocação.

3.3. Estilística: a) aspectos estilísticos da Língua Portuguesa: na morfologia - a expressividade dos nomes; no léxico - a linguagem figurada; na sintaxe - a expressividade da estruturação da frase; na fonética - a expressividade dos sons; b) figuras de linguagem.

4. LITERATURA BRASILEIRA

4.1. Barroco e Arcadismo; Romantismo, Realismo e Parnasianismo; Simbolismo, Modernismo (características e principais representantes);



4.2. Literatura Maranhense (características e principais representantes).

INGLÊS

  1. COMPREENSÃO DE TEXTOS

Sob a forma de teste e/ou de tradução, será verificada a compreensão de textos compatíveis com o ensino médio. Os textos poderão ser especialmente redigidos para o vestibular ou ser retirados de autores modernos, de jornais ou revistas. Verficar-se-á, também, o nível do vocabulário do candidato, a compreensão das idéias expostas e a noção das correspondências de sentido com o português.

  1. GRAMÁTICA APLICADA

Sob a forma de teste e/ou questões especificas, será verificado o conhecimento gramatical do candidato, assim como seu domínio das estruturas básicas do inglês e do vocabulário essencial. A verificação será feita exclusivamente através de aplicação prática dos conhecimentos adquiridos em enunciados reais. O uso da nomenclatura gramatical, na formulação das questões, será reduzido ao mínimo indispensável. O programa constará dos seguintes pontos:

    1. substantivos e artigos (gênero, numero, formas e usos);

    2. O possessivo (uso);

    3. Adjetivos (a comparação do adjetivo e o uso do substantivo de forma adjetiva);

    4. Pronomes (o emprego de diversos tipos pronominais);

    5. Preposições e advérbios (posição, comparação e empregos);

    6. Conjunções (o uso das mais freqüentes);

    7. Verbos (auxiliares e modais; formação regular e irregular; presente, presente contínuo, passado simples e passado conciliares; usos do infinitivo, gerúndio e particípio presente; imperativo, subjetivo e condicional; voz);

    8. Concordância dos tempos verbais;

    9. Interrogação direta e indireta, discurso direto e indireto (diálogo real e reproduzido);

    10. Afirmação e a negação.


GEOGRAFIA

  1. A TERRA NO ESPAÇO

    1. A terra no sistema solar: forma, movimento, linhas imaginárias e fusos horários e suas conseqüências.

    2. Orientação e localização na superfície Terrestre. Coordenadas geográficas. Interpretação de mapas e cartas.

  2. O MEIO FÍSICO COMO SUPORTE DA ORGANIZAÇÃO ESPACIAL: no mundo, no Brasil e no Nordeste.

    1. A estrutura geológica, sua evolução e formas de relevo resultantes.

    2. A circulação atmosférica e as classificações climáticas.

    3. Bacias hidrográficas e regimes fluviais.

    4. Os solos, a vegetação e a fauna.

  3. OS DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS DO BRASIL E DO NORDESTE.

    1. Amazônico.

    2. Cerrados.

    3. Caatingas.

    4. Mares de morro.

    5. Araucárias.

    6. Pradarias.

    7. Faixa de transição.

  4. PROCESSO SÓCIO-ECONÔMICO, POLÍTICO, IDEOLÓGICO E CULTURAL

    1. Formação econômico-social.

    2. Divisão social do trabalho.

    3. Divisão internacional do trabalho.

    4. Sistemas econômicos.

  5. A NOVA ORDEM MUNDIAL

    1. Fim da Guerra Fria.

    2. O fim do Socialismo real e as transformações na URSS e no leste Europeu.

    3. O capitalismo e os novos Blocos do Poder.

    4. Atualidades.

  6. ESTUDO DE POPULAÇÃO

    1. Crescimento populacional: causas e conseqüências.

    2. Teorias demográficas.

    3. Estrutura da população.

    4. Movimentos migratórios: causas e conseqüências.

    5. Políticas demográficas nos países subdesenvolvidos e desenvolvidos.

  7. ESTUDO DO ESPAÇO URBANO

    1. Surgimento das cidades.

    2. Processo de industrialização: localização e diferentes formas de utilização dos recursos naturais.

    3. Industrialização x urbanização.

    4. Rede urbana.

    5. Problemas ambientais dos centros urbanos.

  8. O ESTUDO DO ESPAÇO RURAL

    1. Êxodo rural: causas e conseqüências.

    2. Relação de trabalho.

    3. Modernização da atividade agrícola: causas e conseqüências.

    4. Estrutura fundiária e conflitos pela posse da terra.

    5. Reforma agrária: a) o papel dos movimentos sociais; b) o papel do Estado; c) políticas fundiárias; d) políticas agrícolas.

  9. QUESTÃO REGIONAL

    1. Histórico da divisão regional do Brasil.

    2. Divisão regional do Brasil: a) divisão macro-regional: objetivos e critérios; b) divisão micro-regional: objetivos e critérios.

    3. A evolução das relações capitalistas e produção do espaço regional.

  10. A QUESTÃO AMBIENTAL

    1. Desenvolvimento e meio ambiente.

    2. Degradação dos recursos naturais frente as diferentes formas de ocupação do espaço.

    3. Problemas ambientais na atualidade: mundiais, nacionais, regionais e locais.

    4. Questões ambientais no Maranhão.

    5. As medidas de conservação ambiental.

HISTÓRIA DO BRASIL

  1. AS COMUNIDADES PRIMITIVAS

    1. As sociedades indígenas.

  2. A MONTAGEM DA COLÔNIA

    1. Das feitorias à colônia.

    2. O sentido geral do pacto colonial.

  3. SENHORES E ESCRAVOS NA ORDEM COLONIAL

    1. As razões da escravidão moderna.

    2. A resistência negra.

    3. A sociedade colonial.

  4. A ECONOMIA COLONIAL

    1. A civilização do açúcar.

    2. Pecuária, bandeirismo e “drogas do sertão”: a conquista do interior.

    3. A luta entre sesmeiros e posseiros.

    4. A idade do ouro no Brasil.

  5. A FORMAÇÃO DO ESTADO NACIONAL BRASILEIRO

    1. Movimento nativista e movimento de independência nacional.

    2. O governo português no Brasil e a influência inglesa.

    3. A revolução do Porto e o rompimento formal com Portugal.

    4. O Maranhão nas lutas de independência.

    5. A constitucionalização do império.

    6. O lusofobismo e a abdicação.

  6. A REGÊNCIA: UMA EXPERIÊNCIA REPUBLICANA

    1. A disputa política: saquaremas e luzias.

    2. Centralismo e federalismo: as rebeliões regenciais.

    3. A balaiada no Maranhão.

  7. O SEGUNDO IMPÉRIO

    1. Montagem e expansão da economia cafeeira.

    2. A civilização do café: a) imigração; b) surto industrial.

  8. DA MONARQUIA À REPÚBLICA

    1. O imperialismo inglês e as questões platinas.

    2. A crise da direção saquarema: a campanha abolicionista.

    3. As “proclamações” da República: a) Positivismo; b) Liberalismo.

  9. O ADVENTO E A CONSOLIDAÇÃO DA REPÚBLICA OLIGÁRQUICA

    1. As linhas gerais da república velha: a) política dos governadores; b) política do café com leite; c) política da valorização do café; d) coronelismo.

  10. A CONSTITUIÇÃO DE 1891

  11. A ECONOMIA NA PRIMEIRA REPÚBLICA

    1. Interesses cafeicultores e industriais: conflito ou complementaridade.

    2. Nova realidade açucareira.

    3. Engenhos centrais.

    4. As usinas.

  1. A CRISE DA REPÚBLICA OLIGÁRQUICA

    1. Os movimentos sociais: a) a classe operária e o movimento sindical; b) cangaceiros e “fanáticos”; c) o tenentismo.

    2. Os movimentos culturais: a semana de arte moderna de 1922.

  2. A ERA DE VARGAS: ESTADO, POPULAÇÃO E INDUSTRIALIZAÇÃO

    1. O Brasil no contexto da crise de 1929.

    2. O movimento armado de 1930.

    3. O governo provisório e o movimento constitucionalista.

    4. A constituição de 1934 e a polarização ideológica.

    5. O Estado Novo: a) a Constituição de 1937; b) as diretrizes econômicas do regime; c) a questão social; d) as relações internacionais.

  3. NACIONALISMO, CAPITAL ESTRANGEIRO E EXPORTAÇÃO: A CRISE DO POPULISMO

    1. A campanha pela “redemocratização”

    2. A constituição de 1946.

    3. A organização partidária.

    4. O retorno e o segundo governo do “pai dos pobres”.

    5. Juscelino e o Desenvolvimentismo.

    6. Jango: as reformas de base e a reação conservadora.

    7. Movimento popular, sindical e cultural nos anos 50 e início dos anos 60.

  4. A DITADURA MILITAR

    1. O contexto histórico do Golpe de Estado.

    2. A natureza política do regime.

    3. As diretrizes econômicas e o “milagre brasileiro”.

    4. Endividamento externo, juros flutuantes, choque do petróleo e o início da crise econômica.

    5. A resistência ao regime.

    6. As campanhas democráticas.

    7. A reorganização do movimento sindical e popular a partir do final dos anos 70.

  5. CRISE DO REGIME MILITAR E TRANSIÇÃO POLÍTICA

    1. Reformulação partidária.

    2. Campanha das diretas.

    3. Eleição indireta de Tancredo Neves.

    4. A constituição de 1988.

    5. As eleições presidenciais de 1989.

  6. O BRASIL DE HOJE

    1. Economia, política sociedade e cultura.

HISTÓRIA GERAL

  1. O CONHECIMENTO HISTÓRICO: noções fundamentais.

    1. Como se escreve a História.

    2. O conhecimento das sociedades humanas.

    3. Da utilidade da História para a vida.

  2. O MUNDO ANTIGO DO PRÓXIMO ORIENTE

    1. A religiosidade arcaica e o valor dos mitos, crenças e ritos.

    2. As civilizações: economia, política e sociedade.

    3. Os deuses e os homens: teogonia e epopéias.

  3. O MUNDO GRECO-ROMANO E AS SOCIEDADES ORIENTAIS

    1. Grécia: a) dos egeus aos gregos arcaicos; b) mitologia e religião: um mundo de heróis, semi-deuses e mistérios; c) do mito à razão - a Grécia clássica: o espaço da tragédia; a pólis e a democracia; o nascimento da filosofia; d) o mundo helenístico: os gregos clássicos e o mundo oriental.

    2. Roma: a) das origens míticas ao apogeu da República; b) o Império e o Novo Mundo Cosmopolita; o Oriente e o Ocidente em contato: os novos deuses e crenças; c) economia, política e sociedade.

  4. O APARECIMENTO DAS RELAÇÕES FEUDAIS NA EUROPA OCIDENTAL

    1. A crise do Império Romano do Ocidente.

    2. A sociedade romana.

    3. A sociedade germânica.

  5. O FEUDALISMO

    1. As controvérsias sobre o sistema feudal.

    2. A estrutura econômica, política e jurídica da sociedade feudal.

  6. A IGREJA CATÓLICA NA IDADE MÉDIA

  7. A MENTALIDADE RELIGIOSA E AS CONCEPÇÕES DO MUNDO

  8. A CRISE DO SISTEMA FEUDAL

  9. O LEGADO CULTURAL DA IDADE MÉDIA

  10. AS CIVILIZAÇÕES BIZANTINA E MUÇULMANA

  11. DO FEUDALISMO AO CAPITALISMO

11.1. Expansão marítima: comercial européia (séc. XV e XVI).

11.2. Surgimento dos Estados Nacionais.

11.3. Práticas e idéias mercantilistas.

11.4. O colonialismo europeu e as Américas.



  1. A ORDEM POLÍTICA EUROPÉIA

12.1. Absolutismo: significação, legitimidade e exemplificação da prática política.

12.2. “Despotismo esclarecido”: significação e exemplificação da prática política.

12.3. A burguesia e o Estado Absolutista.

12.4. A Revolução Inglesa.

12.5. A Revolução Norte-Americana.


  1. A CIVILIZAÇÃO DO RENASCIMENTO

    1. Renovação lítero-artística e crítica social.

    2. A cultura popular.

    3. Ciência e tradição hermética.

    4. Uma nova sensibilidade religiosa: reforma católica e reforma protestante.

  1. DA REVOLUÇÃO CIENTÍFICA AO ILUMINISMO

14.1. Racionalismo, empirismo e método: a ciência moderna.

14.2. O século das “Luzes”: racionalismo, otimismo e crítica social.



  1. A REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E O SURGIMENTO DO MUNDO CONTEMPORÂNEO

  2. A REVOLUÇÃO FRANCESA (1789 – 1815)

16.1. Debate historiográfico: positivismo, marxismo, nova história.

16.2. As classes sociais.

16.3. As etapas do processo revolucionário.

16.4. O legado da Revolução e o processo de consolidação das instituições liberais- burguesas.



  1. A RESTAURAÇÃO DO ANTIGO REGIME (1815 – 1830)

    1. O congresso de Viena.

    2. Os movimentos revolucionários de 1830 e 1848.

  2. LIBERALISMO, DEMOCRACIA, ANARQUISMO, SOCIALISMO E NACIONALISMO

  3. EXPANSÃO IMPERIALISTA E NEO-COLONIALISTA

    1. Revolução Industrial e Imperialismo.

    2. A partilha da África e da Ásia.

  4. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL

    1. Imperialismo e Nacionalismo.

    2. O fim da hegemonia européia e a ascensão dos EUA.

  5. A REVOLUÇÃO RUSSA DE 1917

    1. A formação do primeiro Estado Socialista.

    2. As etapas do processo revolucionário.

    3. A expansão das idéias socialistas.

  6. A CRISE DO CAPITALISMO E A GRANDE DEPRESSÃO DE 1929

  7. O NAZI-FASCISMO

    1. Origens e proposições.

  8. A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL

    1. A relação entre as duas Grandes Guerras.

    2. As fases do conflito, os tratados de Paz e a criação da ONU.

  9. A GUERRA FRIA

    1. Os blocos capitalista e socialista.

    2. A expansão do mundo socialista: China, Cuba, Vietnã.

  10. DESCOLONIZAÇÃO DA ÁFRICA E DA ÁSIA

    1. A formação do Terceiro Mundo.

    2. América Latina e subdesenvolvimento.

  11. O MUNDO ATUAL

27.1. A crise do capitalismo.

27.2. A crise do socialismo.








©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal