Curso arquitetura e urbanismo teoria, critica e historia da arquitetura e urbanismo II profº.: Klinger Oliveira



Baixar 9,45 Kb.
Encontro30.10.2018
Tamanho9,45 Kb.

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ

CURSO ARQUITETURA E URBANISMO

TEORIA, CRITICA E HISTORIA DA ARQUITETURA E URBANISMO II

Profº.: Klinger Oliveira

A NOVA CONCEPÇÃO DE ESPAÇO: A PERSPECTIVA
O pensamento político mais elevado e as formas mais variadas de desenvolvimento humano se encontram reunidos na história de Florença, que neste sentido, merece o titulo de primeiro Estado Moderno.(Jacob Burckhardt).

Por que na Itália?

Entre outros fatores, o renascimento tem inicio na Itália porque ali florescia uma burguesia atuante, estabeleciam contatos com o Oriente e estavam resguardados os traços da cultura greco-romana.



Características Renascentistas

A arte renascentista marcada pelo naturalismo, pelo antropocentrismo, pela influência da cultura clássica grego-romana , pelo humanismo e hedonismo.

Manifestação artística, cientifica e literária, transição Idade Média para Idade Moderna.

Inserção fortalecimento burguesia, surgimento Estados Nacionais, Grandes Navegações e Reforma Protestante.



Quattrocento, Florença

Foi importante não somente como sede de experimentos sociais e políticos, mas também como o lugar onde o esprit nouveau do Renascimento manifestou-se mais intensamente.



A PERSPECTIVA LINEAR

Para o século XV, esse princípio significou uma revolução completa, uma extrema e violenta ruptura com a medieval concepção plana e desarticulada de espaço, que constituía sua expressão artística.



O FIORENTINO FILIPPO BRUNELLESCHI (1377-1446) foi quem apresentou a nova concepção renascentista na arquitetura. Ele assimilara, durante longo tempo, as formas clássicas e góticas e adaptara-as à sua época, edificando as igrejas do Espírito Santo, de São Lourenço e a cúpula da Catedral de Santa del Fiore, em Florença.

Brunelleschi, projetou uma cúpula dupla, semelhante as primeiras construções orientais.A cúpula foi erguida sem armações, no ar, a uma altura de aproximadamente 30 metros.

Redescobriu os princípios da perspectiva linear, que, conhecidos por gregos e romanos, ficaram esquecidos durante toda a Idade Média. Restabeleceu na prática o conceito de ponto de fuga, e a relação entre a distância e a redução no tamanho dos objetos.

Na Capela dos Pazzi, também em Florença, construída entre 1430 e 1444, observamos o típico esquema da fachada que abriga um arco central de volta perfeita ligando duas seções de colunatas simétricas, apresentadas de forma monumental.

Em seu interior destaca-se a arquitrave interrompida que apóia as duas abóbadas de berço que suportam a cúpula hemisférica.



  • A coluna clássica, ao invés da medieval, é rigidamente definida e auto-suficiente, e as suas partes e proporções só podem variar dentro de estreitos limites; o arco de volta perfeita, clássico, ao contrário de qualquer outro só tem um traçado possível: em semicírculos.


MASACCIO (1401-1428)
Tommazzo San Giovanni Valdano

Foi um dos primeiros, se não o primeiro a fazer a aplicação científica da perspectiva e trabalhar o foco de luz de maneira a criar uma sensação de tridimensionalidade que passou caracterizar pintura da Renascença. Seu estilo exerceu forte influência sobre outros artistas, Fra Angelico, Michelangelo e Rafael.



Conclusão

No início Renascimento, as principais cidades-Estado da Itália- Veneza, Siena e sobretudo Florença – já tinham vivido suas lutas pela democracia. Porém a exaltação do ego individual começa a substituir o antigo espírito coletivo da Idade Média e preparar o caminho para o absolutismo do século XVII. Uma época tão imbuída da importância suprema da personalidade dificilmente de tornaria conhecida pela construção de novas cidades.



©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal