Correspondências recebidas em geral



Baixar 1,29 Mb.
Página1/18
Encontro11.09.2017
Tamanho1,29 Mb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   18


Evaristo de Moraes Filho

CORRESPONDÊNCIAS RECEBIDAS EM GERAL



  1. CARTA DE MÁRIO REZENDE. Juiz de Fora, 15/03/1932. Colega de Evaristo de Moraes Filho no Ginásio 28 de Setembro fala sobre o novo colégio que irá estudar em Juiz de Fora; pergunta por colegas e manda lembranças, diz que Bernardes passou pela cidade; faz votos para que Evaristo continue sendo o primeiro da turma.




  1. TELEGRAMA DE ANTÔNIO OLIVEIRA AGUIAR. Rio de Janeiro, 05/07/1935. Felicita o aniversário de Evaristo de Moraes Filho, em nome do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Terrestres.




  1. CARTA DE MANOEL LOURENÇO DE MAGALHÃES. Rio de Janeiro, 28/09/1935. Pede para que Evaristo de Moraes Filho entregue ao portador as cópias solicitadas pelo relator da ata da última sessão e da proposta do Dr. Tubb.




  1. BILHETE DE BERNARDO SCHEINKMANN. S/i, 1935. Fala sobre um livro enviado a Evaristo de Moraes Filho; diz que mandou uma carta ao integralista Mário Jaguaribe.




  1. CARTA DE ANTÔNIO LIPZ. São Paulo, 14/10/1936. Comenta sua ausência do Rio de Janeiro, por conta de compromissos profissionais como ator, através de licença por tempo indeterminado; pede para que Evaristo de Moraes Filho lhe informe sobre a licença.




  1. BILHETE DE OSCAR. Rio de Janeiro, 1936.




  1. CARTA SEM REMETENTE. Petrópolis, 03/03/1937. Diz que está em férias, em Petrópolis; comenta os locais visitados e as diversões (a carta está incompleta).




  1. CARTA DE AUGUSTO DE MELLO FRANCO. Rio de Janeiro, 02/10/1937. Fala sobre gratificações (ilegível).




  1. CARTA DE AUGUSTO DE MELLO FRANCO. Rio de Janeiro, 27/12/1937. Envia abraço a Evaristo de Moraes Filho, pela sua formatura e pelo natal.




  1. CARTA DE ROSÁRIO FUSCO. Rio de Janeiro, 18/03/1938. Destaca a dificuldade de encontrar Evaristo de Moraes Filho; indica uma pessoa para que Evaristo arrume colocação no escritório do pai de Délio ou em outro lugar.




  1. CARTA DE JAIME GRABOIS. Rio de Janeiro, 04/04/1938. Comunica o início do curso de Psicologia, a partir de 15 de abril.




  1. CARTA DE JOEL SILVEIRA. Rio de Janeiro, 14/04/1938. Diz que recebeu artigos de Evaristo de Moraes Filho; trechos ilegíveis.




  1. BILHETE DE HENRIQUE CARSTEUS. Rio de Janeiro, Junho de 1938. Diz a Evaristo de Morares Filho que leu seu livro de contos e que gostou.




  1. CARTA DE ROSÁRIO FUSCO. Rio de Janeiro, 06/07/1938. Apresenta uma senhora para que o pai de Evaristo de Moraes Filho, Evaristo de Moraes, possa ajudá-la; pede que Evaristo a apresente ao seu pai.




  1. CARTA DE BRICIO DE ABREU E TODO O CASMURRO. Rio de Janeiro, Outubro de 1938. Comenta a tristeza de não ver Evaristo de Moraes Filho na conferência.




  1. CARTA DE BRISTAL. Rio de Janeiro, 05/11/1938. Diz que leu o “pouco” reverente; diz que é belo, porém com cota de sectarismo; critica o texto.




  1. CARTA DE AUGUSTO DE MELO FRANCO. Rio de Janeiro, 06/11/1938. Indica uma pessoa para que Evaristo de Moraes Filho a atenda, dizendo que é recomendada pelo procurador Sá Freire.




  1. BILHETE DE WALDIR NIEMEYER. Rio de Janeiro, 1938. Indica uma pessoa para que Evaristo de Moraes Filho a atenda.




  1. BILHETE DE CHRISTIANO. S/i, 10/11/1939. Indica uma pessoa para que Evaristo de Moraes Filho a atenda, interessada em um processo; pede para que Evaristo faça uma “cavação” junto de Max Monteiro, a fim de ser citado em processo.




  1. BILHETE DE OSÓRIO LOPES. S/i, 13/11/1939. Diz que precisa falar com Evaristo de Moraes Filho; deixa o número de seu telefone.




  1. BILHETE DE DUARTE. S/i, 21/11/1939. Pede para deixar de fora a promoção que foi passada pelo Caetano; trechos ilegíveis.




  1. BILHETE DE EREMILDO VIANA. Rio de Janeiro, 13/01/1939. Indica uma pessoa para que Evaristo de Moraes Filho a atenda; pede que a ajude a resolver problemas na Justiça do Trabalho.




  1. GILBERTO FREYRE. Recife, 17/01/1939. Diz que enviou as cartas pedidas; fornece instruções de envio destas e colocação em envelopes para a Columbia Universit.




  1. BILHETE DE LEPAGE. Rio de Janeiro, 19/05/1939. Fala sobre um exemplar que está com S. Excia., que logo o levará .




  1. CARTA DE MAURILLO MENDES. Rio de Janeiro, 02/06/1939. Indica uma pessoa para que Evaristo de Moraes Filho a atenda, transferindo-a na companhia.




  1. CARTA DE PEDRO FERREIRA NEVES. Rio de Janeiro, 03/07/1939. Comunica que por motivo do faleci mento de Evaristo de Moraes a diretoria do Edifício Ferreira Neves enviou telegrama à família em sinal de luto, assim como o comparecimento de Pedro Ferreira Neves, em nome da diretoria ao funeral.




  1. CARTA DE MANUEL DUARTE. Rio de Janeiro, 08/08/1939. Manuel Duarte, da Comissão Mista da Junta de Conciliação e Julgamento, fala sobre o afastamento de Evaristo de Moraes Filho.




  1. CARTA DE JOSÉ BRÍSTOL. Rio de Janeiro, 06/09/1939. Transmite seus sentimentos pelo falecimento de Evaristo de Moraes; indica uma pessoa para que Evaristo de Moraes Filho atenda-a, ajudando a resolver problemas na Justiça do Trabalho; agradece o seu interesse na resolução de outro caso indicado.




  1. BILHETE DE AFRÂNIO. Rio de Janeiro, 13/10/1939. DiZ que passou para abraçá-lo e vê-lo.




  1. CARTA DE GERMANO DE SOUZA E SILVA. Rio de Janeiro, 29/10/1939. Pede que Evaristo de Moraes interceda junto ao presidente da Caixa de Aposentadorias e Pensões dos Trapiches e Cafés para cancelar a suspensão que lhe deram no serviço, porquê já não pode com o trabalho e passa por dificuldades com os cinco filho.




  1. CARTA DE HELVÉCIO XAVIER LOPES. Rio de Janeiro, 29/10/1939. Helvécio Xavier Lopes, do IAPTEC, agradece a indicação ao senhor Germano de Souza e Silva.




  1. BILHETE DE CHRISTIANO. Rio de Janeiro, novembro de 1939. Diz que procurou se avistar com o rapaz do “fogo”.




  1. BILHETE DE PAULO. Rio de Janeiro, 17/12/1939. Paulo, da Faculdade Nacional de Direito, indica uma pessoa para que Evaristo de Moraes Filho a atenda.




  1. CARTA DE OTHON. Gainsville, 28/12/1939. Diz que recebeu 3 cartas de Evaristo de Moraes Filho e que está respondendo à primeira; diz que o drama de Evaristo lhe causou gargalhadas; fala sobre uma pessoa, que chama por D., e de problemas amorosos; diz que Evaristo “está tentando suprir a falta de um drama, de um romance, que já não existe”; chama Evaristo de “um sentimental intelectualizado”; fala sobre uma pessoa chamada Glória, que gosta de Evaristo; diz que sem querer Evaristo causou um grande mal; fala para Evaristo tomar cuidado com a vaidade das mulheres; diz que a compra de um revólver está fora de cogitação; diz que Evaristo, assim como ele, querem descobrir, compreender a alma feminina, mas não conseguem; pergunta se D. “é essa coisa de sagrado” para Evaristo; diz que Evaristo ficará com Dora por algum tempo e depois se cansará dela; diz que no seu lugar teria ficado com Odete; diz que terá pena da D. quando Evaristo “encontrar outro corpo que lhe revele coisas diferentes”, uma mulher que queira conhecer por dentro e por fora; diz que tem escrito muitas cartas à Glória e que recebeu uma em novembro; diz que estão em férias fora de Gainsville; se diz, assim como Tereza, decepcionado com os Estados Unidos; diz que não admite que Evaristo desista do concurso; diz que será muito difícil apresentar sua tese; diz que as aulas recomeçaram em Gainsville, mas que tem uma vontade louca de sair de lá; finaliza pedindo para Evaristo transmitir a José Honório, Houaiss e Autorinho seus votos de felicidades para 1940.




  1. BILHETE DE MARGARIDA. Rio de Janeiro, 1939. Diz que procurou por Evaristo de Moraes Filho para um abraço de despedida, mas não o encontrou; partiu para Belo Horizonte.




  1. CARTA DE WASHINGTON E SARAH FARQUIN. Belo Horizonte, 04/01/1940. Transmite seus sentimentos pelo falecimento de Evaristo de Moraes a Evaristo de Moraes Filho.




  1. CARTA DE JURACEMA PEREIRA. S/i, 06/01/1940. Cumprimenta pelo ano novo.




  1. CARTA DE JOSÉ BRÍSTOL. Rio de Janeiro, 06/01/1940. José Brístol, paciente e interno da Santa Casa de Misericórdia, fala de um companheiro de enfermaria que passou por um caso de exploração e injustiça no Trabalho; pede que Evaristo de Moraes Filho tome parte no caso.




  1. CARTA DE JOSÉ BRÍSTOL. Rio de Janeiro, 14/01/1940. José Brístol, paciente e interno da Santa Casa, indica companheiro de enfermaria, José Rodrigues Salido, para que Evaristo de Moraes Filho o receba e o ajude.




  1. BILHETE DE MANUEL. Rio de Janeiro, 15/01/1940. Diz que Jorge, irmão de Evaristo de Moraes Filho, o aguarda na 8ª Vara; diz que Paulo Jorge esteve a procura de Evaristo.




  1. BILHETE DE MARIA DA GLÓRIA. Rio de Janeiro, 20/01/1940. Diz que disponibiliza a auxiliar na arrumação dos livros.




  1. CARTA DE ANTÔNIO FRANCA. Rio de Janeiro, 25/01/1940. Antônio Franca, do CACO, da Faculdade Nacional de Direito FND, convida Evaristo de Moraes Filho para um almoço com o centro acadêmico, patrocinado pela União Nacional dos Estudantes, em homenagem aos estudantes representantes das faculdades de Direito de Recife e de Niterói no Concurso Nacional de Oratória.




  1. CARTA DE MANUEL DUARTE. Rio de Janeiro, 21/02/1940. Propõe a sua saída ou a de Evaristo de Moraes Filho do escritório; diz: “sentindo seu esmorecimento quanto ao mesmo”; fala da ida de um outro colega para o escritório; diz não se importar com o telefone; pede que Evaristo não lhe leve à mal.




  1. CARTA DE FERNANDO LEVISKI. São Paulo, 22/02/1940. Fala sobre o envio de um cheque; pede confirmação de recebimento.




  1. CARTA DE MÁRIO DIAS. Magdalena, 02/03/1940. Fala do triste acontecimento e de um artigo que escreveu dias depois, que foi assinado por outra pessoa, na Gazeta de Notícias; fala de uns autos de processo, de origem da Comarca de Rio Bonito, relativos ao assassinato em massa de escravos que se achavam recolhidos à cadeia daquela cidade, nos quais Evaristo de Moraes encontrou subsídios para sai obra sobre o assunto; pede que Evaristo de Moraes Filho envie estes autos para Mário Bolívar de Sá Freire.




  1. BILHETE DE ELIEZER. S/i, 13/03/1940. Fala sobre o arquivamento de um requerimento de Evaristo de Moraes Filho, na Junta, sendo necessário apresentar um novo, para novo julgamento.




  1. BILHETE DE MANUEL DUARTE. Rio de Janeiro, 19/03/1940. Manuel Duarte, do Ministério do Trabalho, Indústria e Comércio (MTIC), diz que esteve procurando Evaristo de Moraes Filho para uma visita.




  1. BILHETE DE CHRISTIANO. Rio de Janeiro, 25/03/1940. Christiano, do MTIC, deixa um braço para Evaristo de Morares Filho.




  1. CARTA DE FRANCISCO KARAN. São Lourenço, 01/04/1940. Francisco Karan, do Hotel Canadá, em carta-resposta, descreve o hotel para Evaristo de Moraes Filho.




  1. BILHETE DE JOSÉ DISPOU. Rio de Janeiro, 06/04/1940. osé Dispou, contínuo do MTIC, avisa que as duas certidões pedidas por Evaristo de Moraes Filho estão prontas.




  1. CARTA DE LUIZ GONZAGA DE CAMPOS. São Paulo, 28/05/1940. Luiz Gonzaga de Campos, do Centro de Estudos de Direito Penal Evaristo de Moraes da Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, comunica a fundação deste centro, em 22 maio, em homenagem a Evaristo de Moraes; pede para que Evaristo de Moraes Filho o coloque em contato com uma comissão, no Rio de Janeiro, que organiza as homenagens a Evaristo de Moraes, no primeiro ano do seu falecimento.




  1. BILHETE DE ARLETE. Rio de Janeiro, Maio de 1940. Arlete cumprimenta Evaristo de Moraes Filho.




  1. BILHETE DE ARLETE. Rio de Janeiro, 06/06/1940. Arlete cumprimenta Evaristo de Moraes Filho.




  1. BILHETE DE MANUEL DUARTE. Rio de Janeiro, 22/06/1940. Manuel Duarte diz que estará embarcando no próximo dia para Cabo Frio.




  1. CARTA DE THOMAS. Rio de Janeiro, 24/06/1940. eclama que não consegue falar com Evaristo de Moraes Filho pelo telefone e nem no escritório; marca uma reunião com Evaristo em seu escritório.




  1. CARTA DE MARCOS CONSTANTINO. Rio de Janeiro, 13/07/1940. Indica duas pessoas para que Evaristo de Moraes Filho as atendam.




  1. BILHETE DE MANUEL DUARTE DE FREITAS. Rio de Janeiro, 26/07/1940. Manuel Duarte de Freitas reclama que não consegue falar com Evaristo de Moraes Filho; fala sobre a defesa de um processo e pergunta por que Evaristo de Moraes Filho não assistiu aos debates; menciona a defesa e o seu cliente.




  1. CARTA DE VASCO DE ANDRADE. Rio de Janeiro, 30/07/1940. Responde a uma carta enviada por Evaristo de Moraes Filho; fala da remessa regular e gratuita do mensário “Legislação do Trabalho” para as comissões, além de exemplares já publicados.




  1. BILHETE DE FLÁVIO. Rio de Janeiro, julho de 1940. Indica uma pessoa para que Evaristo de Moraes Filho a atenda




  1. BILHETE DE FLÁVIO. Rio de Janeiro, julho de 1940. Indica uma pessoa para que Evaristo de Moraes Filho a atenda.




  1. BILHETE DE MANUEL DUARTE DE FREITAS. Rio de Janeiro, 1º/08/1940. Manuel Duarte de Freitas diz que em 16 de setembro estará na tribuna do juiz; pede que Evaristo de Moraes Filho lhe telefone quando puder.




  1. BILHETE DE AUGUSTO DE ALMEIDA FILHO. Rio de Janeiro, 22/08/1940. Augusto de Almeida Filho cumprimenta Evaristo de Moraes Filho.




  1. BILHETE DE AUGUSTO DE ALMEIDA FILHO. Rio de Janeiro, 27/08/1940. Augusto de Almeida Filho diz que Evaristo de Moraes Filho anda sumido como dinheiro.




  1. BILHETE DE MANUEL. Rio de Janeiro, setembro de 1940. Diz que Evaristo de Moraes Filho perdeu um belo espetáculo jurídico no sábado que passou; pretende comparecer ao juiz no próximo sábado; fala de preparativos para uma solenidade.




  1. BILHETE DE MANUEL. Rio de Janeiro, 1º/10/1940. Reclama que não consegue falar com Evaristo de Moraes Filho; diz que o procurou para assistir a uma audiência; diz que não irá ao juiz em 11 de outubro; pergunta pela conferência no Club dos Advogados.




  1. CARTÃO DE HELVÉCIO XAVIER LOPES. Rio de Janeiro, 16/12/1940. Agradece o comparecimento à missa em ação de graças pelo seu restabelecimento.




  1. TELEGRAMA DE FERNANDO LEVISKY. São Paulo, 22/12/1940. Fala de volumes que seguiram no dia 25.




  1. BILHETE DE OTHON. Rio de Janeiro, 05/01/1941. Fala sobre a indignação de Dora por Evaristo de Moraes Filho não ter dormido na casa de Othon e nem na dela; pede que Evaristo telefone ao Emílio dizendo para que ele abra uma carta e que confirme por telegrama.




  1. TELEGRAMA DE CARLOS MARTINS LOUREIRO. Rio de Janeiro, 05/01/1941. Cumprimenta e felicita Evaristo de Moraes Filho pelo seu aproveitamento como procurador da Justiça do Trabalho.




  1. TELEGRAMA DE CARLOS FERRÃO. Rio de Janeiro, 10/01/1941. Cumprimenta Evaristo de Moraes Filho pela sua nomeação para procurador do Trabalho.




  1. BILHETE DE MANUEL. Rio de Janeiro, 25/01/1941. Manuel avisa que esteve em visita e que descascara outro “abacaxi”.




  1. BILHETE DE OTHON. Rio de Janeiro, 28/01/1941. Diz que lamentam que tenham emporcalhado; diz que a “prova do crime” foi uma toalhinha no lugar da roupa suja; pede perdão pelo voto.




  1. BILHETE DE ANTÔNIO HOUAISS. Rio de Janeiro, 31/01/1941. Cumprimenta Evaristo de Moraes Filho pela sua nomeação para procurador; pede um favor; pede que ligue para ele.




  1. TELEGRAMA DE HERBERT DE MENDONÇA. Rio de Janeiro, 1º/02/1941. Comunica que o ministro quer receber todos os recém-nomeados para a Justiça do Trabalho no dia 04/02/1941 às 16 h.




  1. WALDEMAR FALCÃO. Rio de Janeiro, 03/02/1941. Agradece a Evaristo de Morares Filho pelo envio de telegrama por ocasião do seu aniversário.




  1. CARTA DE MANUEL. Rio de Janeiro, 27/02/1941. Comunica o retorno de Barra do Piraí; pergunta por que Evaristo de Moraes Filho não apareceu; diz que deseja cumprimentá-lo antes que embarque.




  1. CARTA DE JOSÉ ALTIVO VASCONCELOS. Petrópolis, 1º/03/1941. Pede que Evaristo de Moraes Filho envie dois documentos: uma ação de desquite e uma escritura de casas doadas por seu pai, que estavam com Evaristo de Moraes.




  1. BILHETE DE NICANOR. Rio de Janeiro, 12/03/1941. Nicanor diz que procurou por Evaristo de Moraes Filho, mas não o encontrou; diz que encontrou indicações de um material em condições.




  1. BILHETE DE JORGE DE CARVALHO. Salvador, 20/03/1941. Pede para adiar encontro marcado com Evaristo de Moraes Filho; marca para o dia seguinte.




  1. CARTA DE MÁRIO BULHÕES PEDREIRA. Rio de Janeiro, 24/03/1941. Fala sobre comunicação, que tem em seu poder, do Banco Israelita, de que não foi resgatada no vencimento sua promissória, da qual é avalista; pede instruções a Evaristo de Moraes Filho.




  1. BILHETE DE LUIZ RODRIGUES DE PINHO. Rio de Janeiro, 27/03/1941. Diz que Luiz Rodrigues de Pinho deseja falar com Evaristo de Moraes Filho.




  1. CARTA DE OTHON. Porto Alegre, 27/03/1941. Fala das dificuldades de se comunicar com Evaristo de Moraes Filho; descreve a cidade em que está; fala sobre o pessoal da livraria, o ambiente e o seu trabalho; fala sobre uma paquera e um porre; diz que um livro de Evaristo está sendo lido por lá.




  1. CARTA DE R. BATISTA DE ALMEIDA. Rio de Janeiro, 09/04/1941. R. Batista de Almeida, do Gabinete do Interventor do Estado da Bahia, indica uma pessoa para que Evaristo de Moraes Filho preste o favor de empregá-la na procuradoria.




  1. CARTA DE ANTÔNIO VALENÇA. Salvador, 10/04/1941. Comenta sua impressão quanto ao apartamento de Evaristo de Moraes Filho, em visita, destacando o aspecto imponente, objetos e móveis.




  1. CARTA DE HELVÉCIO XAVIER. Rio de Janeiro, 15/04/1941. Helvécio Xavier, do IAPETC, diz que recebeu a carta de Evaristo de Moraes Filho, na qual solicita nomeação de Jorge; diz que nada sabe sobre a efetivação de funcionários contratados da mecanização, que está sob fiscalização do atuário do MTIC.




  1. CARTA DE OTHON. Porto Alegre, 16/04/1941. Fala sobre a rotina do trabalho de tradução; fala sobre as mulheres que conheceu e namorou; fala das mulheres adúlteras; diz que a carta enviada por Evaristo de Moraes Filho chegou no dia anterior; fala sobre o livro e de uma provável edição pela editora na qual trabalha.




  1. CARTA DE RUY SODRÉ. São Paulo, 16/14/1941. Ruy Sodré, do Instituto de Direito Social, envia a Evaristo de Moraes Filho fascículos publicados pelo Instituto, atendendo pedido de Evaristo; fala sobre a fundação de uma secção do Instituto na Bahia.




  1. BILHETE DE VALDEMIRO MENEZES. Salvador, 22/04/1941. Indica uma pessoa, J. Pontes Fragoso, para que Evaristo de Moraes Filho o receba, “com muita cordialidade e interesse”.




  1. AEROGRAMA DE JOSÉ HONÓRIO. Rio de Janeiro, 25/04/1941. Responde a uma carta de Evaristo de Moraes Filho; fala de uma garota loura que encontrou com Evaristo e Délio; fala de suas pesquisas; fala das cavações da turma do Estado Novo, citando alguns colegas e suas ocupações profissionais; diz que ainda não está bem situado, mas que sua “hora vai chegar”; diz que Evaristo está afastado, mas bem situado; dispõe-se a comprar livros que Evaristo precise.




  1. CARTA DE HYLEDA FLORES. Rio de Janeiro, 02/05/1941. Responde carta enviada por Evaristo de Moraes Filho; diz que está remetendo os números que foram possíveis, a partir da sua solicitação; diz que outros assuntos serão respondidos por Gilberto Flores.




  1. CARTA DE HYLEDA FLORES. Rio de Janeiro, 12/05/1941. Responde a carta enviada por Evaristo de Moraes Filho em 09/05/1941; diz que Gilberto Flores está em São Paulo, justificando, assim, as cartas não respondidas a Evaristo; lembra da remessa do dia 02/05/1941; sobre a assinatura, diz que Evaristo terá exemplares remetidos gratuitamente.




  1. BILHETE DE RAYMUNDO ARAÚJO. S/i, 03/06/1941. Avisa que esteve à procura de Evaristo de Moraes Filho, na Delegacia do Trabalho, mas não o encontrou.





  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   18


©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal