Capítulo I



Baixar 1,47 Mb.
Página17/27
Encontro03.05.2017
Tamanho1,47 Mb.
1   ...   13   14   15   16   17   18   19   20   ...   27
Cell Properties – Ajusta as propriedades do texto (estilo, altura, alinhamento e cor) e da célula (cor da célula);

Border Properties – Ajusta as propriedades das bordas da célula, como é feito no Excel, além da sua cor e espessura (lineweight);

General – Em general ajustamos a direção da table, que pode ser Down (com o cabeçalho em cima) ou Up (com o cabeçalho abaixo);

Cell Margins – Ajusta as margens horzontal e/ou vertical da célula.

Nas abas Column Heads e Tittle temos um botão que pode ligar ou desligar a opção de mostar o cabeçalho da coluna e título, respectivamente.




  1. Desenhando Tables

Na Menu Draw encontramos o comando de desenho de Table. Ao acionarmos o comando visualizaremos a seguinte janela de diálogos:



Em Table Style Settings selecionamos o formato de table criado anteriormente, ou ainda, se preferirmos, podemos entrar no comando de formatação de tabela (vista no tópico acima) clicando no botão ... e adicionarmos ou modificarmos um estilo.


Insertion Behavior – Ajusta o comportamento de inserção da tabela na área gráfica. Na opção Specify Insertion Point basta clicarmos um ponta na área gráfica e o comando vai criar uma tabela baseada nas opções da área Column e Row Settings. Na opção Specify Windows temos que abrir uma janela na área gráfica e a largura da coluna e o número de linhas serão criados de maneira automática de acordo com o tamanho da janela aberta.
Column & Row Settings – Ajusta o número e largura de colunas, e número e altura de linhas.

Após clicar ou abrir a janela na área gráfica, basta digitar os dados da tabela e teclar TAB para alternar facilmente de uma célula para outra.

Para modificar a tabela depois de pronta, basta dar um clique duplo na célula desejada. A largura das colunas ou altura das células também podem ser alteradas através do comando Properties. Porém, o número de linhas e colunas não podem ser alterados.

CAPÍTULO XII


  1. Criando Bibliotecas Básicas

No AutoCAD podemos criar vários tipos de bibliotecas e de várias maneiras. Mas a maneira mais simples e nada complexa, que não utiliza a parte de programação do AutoCAD, e que faz parte deste curso básico de AutoCAD, são as bibliotecas através de Blocks.

Os blocks podem ser criados para serem bibliotecas de um só desenho (comando Make Block) ou a tornar-se um arquivo de extensão DWG do AutoCAD para ser o utilizado em qualquer desenho (comando Wblock).

Os blocks não precisam necessariamente aparecer na área gráfica, eles podem fazer parte de uma lista de blocks, que, de certa forma, ocupa espaço (bytes) em um desenho.

Os Wblocks, que na verdade são um outro desenho, após ser inserido no AutoCAD, sem serem explodidos, tornam-se blocks e entram na lista de blocks.


  1. Criando e Inserindo Blocks

Podemos criar blocks através do comando Make Block no Menu Draw - Block. Quando ativar o seu comando, vamos nos deparar com a seguinte janela de diálogos:



Veremos então a função de cada campo deste:




1   ...   13   14   15   16   17   18   19   20   ...   27


©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal