85º Estudo – Intimidade



Baixar 7,28 Kb.
Encontro03.07.2018
Tamanho7,28 Kb.

85º Estudo – Intimidade.


Quebra-gelo: Você já foi amigo(a) de alguém sem vontade?

Textos: João 15:14-15

Amós 3:3


Introdução: O que nos aproxima de alguém? Já pensou sobre isso? E por quê temos as amigos que temos?

Duas coisas nos aproximam de alguém: oportunidade e interesse (vontade). Poderíamos ser amigos de várias pessoas, mas não seremos porque não teremos a oportunidade de conhecê-las; também poderíamos ser amigos de várias outras pessoas que conhecemos, mas não seremos porque não temos desejo de ser. Oportunidade e interesse nos aproximam.

Estar próximos e ser amigos são coisas diferentes. Para sermos amigos das pessoas com as quais convivemos são necessárias três coisas: afinidade, respeito e valorização.

O texto de João 15:14-15 nos diz que podemos ser amigos de Jesus. O que é preciso para ser amigo de Jesus?


1) Só andam dois juntos se houver entre eles acordo. (Amós 3:3)

Precisamos ter os mesmos valores e objetivos que Jesus se quisermos andar com Ele. Precisamos querer o que Ele quer.

O objetivo de Jesus é fazer a vontade de Deus (do Pai) (João 4:34 e 5:30), se nosso objetivo na vida é outro dificilmente seremos amigos íntimos de Jesus.
2) Precisamos fazer o que Ele manda (João 15:14-15).

Para sermos amigos de Jesus temos que obedecê-Lo. Ninguém se torna amigo de Jesus sem antes ser discípulo Dele, seguidor integral do Mestre. As pessoas passam de servos a amigos de Jesus. Só o obedeceremos se o valorizarmos.


3) A intimidade de Jesus é para os que o temem (Sl.25:14)

Já falamos que temer não é ter medo. Temer tem a ver com respeito e amor. Sem respeito nunca seremos amigos de Jesus.



Conclusão: Você quer ser amigo de Jesus? Deseja isso o bastante para transformar sua intenção em ação? Ter a atitude necessária para rever seus objetivos e valores, seguir a Jesus e obedecê-Lo? Levante a mão, vamos orar.



©livred.info 2017
enviar mensagem

    Página principal